Novas rodovias dinamizam negócios e transporte nas Regiões Norte, da Ibiapaba e de Crateús

21 de março de 2010

A CE-311 ligará serra e litoral e a CE-187 facilitará o tráfego entre Crateús e Novo Oriente.

 

A partir deste sábado (20) o Ceará já conta com mais um importante equipamento para incentivar o turismo no Estado. No município de Viçosa do Ceará, Região da Ibiapaba, a na sequência em Granja, na Região Norte, o governador Cid Gomes inaugurou a rodovia CE-311- mais conhecida como estrada Granja – Viçosa do Ceará. O novo equipamento vai se integrar à CE-085 nos trechos recentemente inaugurados e pertencentes ao mesmo projeto: Jijoca – Parazinho e Parazinho – Granja, com respectivamente 32,4 e 22,7 km de extensão. “A nova rodovia reduz o tempo de viagem entre a serra e o mar, facilitando o fluxo turístico na região. Ela também integra os roteiros de Jericoacoara e Camocim no litoral, além de Viçosa, São Benedito e Ubajara, na Serra”, confirmou Cid.

 

A obra, com 69,41 km de extensão, foi executada com R$ 26.527.717,90 oriundos do Tesouro Estado e BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), através Prodetur II (Programa de Desenvolvimento do Turismo). De acordo com o governador em pouco mais de três anos de governo já foram construídos cerca de 3 mil quilômetros de estradas estaduais. “Isso representa 50% de tudo o que foi feito em toda a história do Ceará”, informou.

 

Em seu discurso Cid lembrou que a CE-311 também vai beneficiar o roteiro interestadual Cepima, que engloba Jericoacoara, Delta do Parnaíba (PI) e Lençóis Maranhenses (MA). “Hoje estamos entregando uma antiga demanda da população. Além de tornar o deslocamento de visitantes mais rápido, barato e confortável, a logística de escoamento da produção agrícola na ibiapaba vai ser beneficiada”, concluiu. Na região, são produzidas 280 mil toneladas/ano de maracujá, 36 mil de tomate, 24 mil de pimentão, 14,4 de repolho e 6,5 mil de cenoura, segundo dados do Instituto Agropolos. A Ibiapaba também abriga a segunda maior granja avícola do Ceará e uma fazenda de produção e exportação de acerola orgânica para os Estados Unidos.

 

Para o secretário do Turismo, Bismarck Maia, a nova rodovia possibilita uma mudança no perfil socioeconômico das duas regiões (Norte e Ibiapaba). Segundo o secretário esta é uma oportunidade ímpar para os cidadãos construírem um futuro e qualidade de vida melhores. “Além de fomentar o turismo as pessoas podem implantar, ao longo de toda a estrada, pequenos e médios negócios, atividades que vão reforçar a economia local, gerando renda e empregos pra muita gente”, defendeu.

 

Rodovia CE-187

 

Na noite deste sábado (20), o governador Cid Gomes seguiu  para as cidades de Novo Oriente e Crateús, ambos municípios do Sertão de Crateús para inaugurar a rodovia CE-187, no trecho que liga as duas cidades. A extensão da nova rodovia é de 42,8 km e para sua conclusão foram investidos cerca de R$ 40 milhões. Além de moderna, a CE-187 é totalmente sinalizada e a obra da rodovia compreendeu serviços de terraplenagem, pavimentação, revestimento, proteção ambiental, obras d’arte e obras complementares. A restauração era uma antiga demanda da população da região e vai possibilitar uma melhor integração entre as duas cidades, dinamizando o comércio e a agricultura. No local foram também edificadas paradas de ônibus, ciclovias, além da bifurcação que dá acesso ao aeroporto de Crateús.

 

Policlínica tipo II

 

Na sequência, também no município de Crateús, Cid assinou a ordem de serviço para a construção de mais uma Policlínica tipo 2 com 13 especialidades. Em Crateús, a policlínica regional dará acesso a serviços de saúde aos 291 mil habitantes da microrregião de Ararendá, Ipaporanga, Independência, Ipueiras, Monsenhor Tabosa, Nova Russas, Novo Orienta, Poranga, Tamboril e Quiterianópolis.

 

CEO

 

O governador ainda autorizou o início das obras do CEO de Crateús, equipamento com recursos da ordem de R$ 1.187.500,27. No total cinco CEOs regionais já estão em conclusão: Ubajara, Juazeiro do Norte, Acaraú, Russas e Baturité.

 

Escolas

 

O Governo do Estado, ainda no sábado (20), também autorizou a construção de duas escolas. A primeira, em Granja será da modalidade profissional com investimento de R$ 5,6 milhões. A segunda, do ensino médio, conta com recurso total de R$ 3 milhões. Em suas estruturas as escolas contam com salas de aula, bibliotecas, laboratórios de línguas, informática, Química, Biologia, Física e Matemática e quadras poliesportivas.

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil (comunicacao@casacivil.ce.gov.br /3101.6247)