Copa do Mundo: jovens da comunidade da Bela Vista são reintegrados

7 de junho de 2010

Transferido em fevereiro de 2009, da avenida Washington Soares para o bairro Bela Vista, o Centro de Semiliberdade Mártir Francisca (CSMF), unidade coordenada pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), se integrou completamente à comunidade. A integração já pode ser conferida por quem passa pela Rua Papi Júnior, 1717, no bairro Bela Vista. Totalmente decorada com o tema da Copa do Mundo, a produção da rua ficou por conta da parceria entre moradores e os 45 jovens internos da unidade que ajudaram a pintar, pendurar faixas e fazer da Papi Júnior uma forte concorrente ao prêmio de rua mais bonita da cidade.

 

“Tomamos a iniciativa, fomos até os vizinhos e propusemos essa parceria. Ficamos satisfeitos porque a comunidade viu quão educados e prestativos os meninos são. Cometeram erros, mas estão se reintegrando e, felizmente, a comunidade aceitou e se envolveu na decoração da rua para a Copa do Mundo”, afirma Coeli Santiago, diretora do CSMF. “Foi tão produtivo que a comunidade já quer até fazer uma festa de São João conjunta”, finaliza Coeli.

 

Centros de Semiliberdade

 

O atendimento de adolescentes em conflito com a lei sentenciados com a medida de semiliberdade prevê um trabalho sistemático com as famílias, oportunizando a proposta de liberação do adolescente nos finais de semana para convivência em seu espaço doméstico, fundamental para o fortalecimento dos vínculos afetivos entre eles.
Os jovens utilizam recursos comunitários, frequentando a rede oficial de ensino, os serviços de saúde e espaços culturais e lúdicos. Ainda como parte do plano pedagógico, mantêm um trabalho de desenvolvimento da espiritualidade dos adolescentes de acordo com suas crenças.

 

Contato: Coeli Santiago (Diretora do CSMF) – 3101.4634 / 4635 ou 9952.0968

 

07.05.2010

Assessoria de Imprensa da STDS

Carlos Eugênio Nogueira / Keiliane Gomes (imprensa@stds.ce.gov.br / 85 3101.2099 – 2089)