Quixadá se prepara para Feira de Caprinos e Ovinos

11 de agosto de 2010

O município de Quixadá será a capital da ovinocaprinocultura no Ceará. O secretárioo do Desenvolvimento Agrário do Estado, Antônio Rodrigues Amorim, abre oficialmente hoje (11), a partir das 19 horas, em Quixadá, a Expocece- Feira de Ovinos e Caprinos do Estado do Ceará. Realizado pela Associação dos Criadores de Ovinos e Caprinos do Ceará (Acocece), com o apoio da SDA, do Sebrae no Ceará, entre outros parceiros, o evento, que prossegue até o próximo dia 15, chega à sua trigésima terceira edição cheio de atrações.

 

Além da organização e integração dos produtores, da realização de dias de campo, concursos, leilões, e promoções culturais como o desfile do bode e da garota berro, a programação terá dois outros atrativos: a produção do maior queijo de leite de cabra e a Praça do “Cumpadim”, com a bodega do Bode, espaço temático criado para atrair visitantes e produtores. Nela, pode-se encontrar toda a produção dos associados da Acocece, como queijos, doces, iogurte, mantas de carne e o tradicional churrasco.

 

Reconhecido por ser um evento que envolve toda a cadeia produtiva ovina e caprina da Região, do produtor da agricultura familiar ao de maior porte, e que tem estimulado o melhoramento genético dos animais, a Expocece tem se notabilizado também pelos bons negócios realizados. Em 2009, a Feira movimentou um volume superior a R$ 1 milhão só na venda do leilão, que reuniu produtores cearenses e de outros estados, atraídos pela qualidade e produtividade das raças apresentadas.

 

Este ano, a quinze dias do evento, a organização já comercializou todos os espaços de currais e baias. Vale destacar que boa parte dos participantes e do público não é da cidade, o que ajuda a aquecer também o movimento de bares, rerstaurantes, hotéis e pousadas. A população de 50 mil caprinos e ovinos de Quixadá têm sido alvo de programas e parcerias que têm possibilitado a reeducação do produtor, tanto a nível de capacitação, como de crédito, acesso a mercados e, principalmente, manejo básico.

 

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado (Adagri) é peça fundamental nesse processo, assegurando a melhoria do rebanho e a manutenção das boas práticas de criação na ovinocaprinocultura. Destacam-se, entre as iniciativas, a inclusão de mais de 60 produtores da agricultura familiar na merenda escolar, vendendo, semanalmente, mais de 1.000 litros de leite de cabra ao governo do estado.

 

11.08.2010

 

Assessoria de Imprensa da SDA:

Jully Jeanne (jullyjornal@sda.ce.gov.br – 85 3101.7631)