Estudante da rede estadual participa de Fórum na Coreia do Sul

12 de agosto de 2010

A estudante Aline Ribeiro Pinho, do Liceu Estadual de Maracanaú, foi a única aluna de escola pública estadual do país selecionada para participar do International Science and Engineering Camp (Isec), em Seul, na Coreia do Sul. O acampamento científico, que reúne jovens de diversos países, teve início no dia 1º , e segue até o próximo domingo,15.

 

O Isec tem como objetivo construir uma base de intercâmbio e de cooperação entre jovens em Ciência e Tecnologia, motiva os participantes a empreender carreiras em Ciências e Engenharia, expondo-os a atividades de investigação laboratorial e de conscientização e visão concreta das possibilidades de carreira por meio de contato pessoal com cientistas e engenheiros. Além de suprir limitações do ensino de Ciências na sala de aula por meio de atividades extracurriculares.

 

Aline tem 16 anos e cursa o 3º ano do Ensino Médio. Durante o Fórum, ela apresentará o projeto premiado na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), “A-cor-dar para o Meio Ambiente: metodologia prática e interdisciplinar em Educação Ambiental através do gerenciamento de resíduos sólidos na escola”.

 

Para participar do Fórum, a aluna atendeu a alguns critérios: ter participado como estudante finalista na Febrace 2010, ser capaz de compreender e se comunicar em Inglês, ter aprovação dos pais ou responsáveis, além de apoio da escola para participar sem prejuízo das atividades escolares. Na inscrição, a estudante gravou um vídeo em Inglês respondendo a seguinte pergunta: “Why should I be selected by Febrace to participate at ISEC 2010?” (Por que eu deveria ser selecionada pela Febrace para participar do ISEC 2010?), além de preencher ficha de inscrição.

 

De acordo com o diretor do Liceu de Maracanaú, Plácido Cavalcante, os alunos têm se empenhado bastante durante as feiras e encontros nacionais e internacionais. “Com os recursos que recebemos da Secretaria da Educação (Seduc), além de aplicarmos na escola e no ensino, também incentivamos o reforço em Inglês e Espanhol para que os estudantes fiquem aptos a participar destes eventos fora do país”, afirma.

 

Do Brasil, foram selecionados cinco estudantes: Bruno Pacci, do Colégio Albert Sabin, Luana Rubini Ruiz, do Colégio Koelle, ambos de São Paulo, Marina Nunes Diniz, do Centro Federal de Tecnologia (Cefet) de Minas Gerais, Guilherme Santos Silva, do Colégio Técnico da Fundação José Carvalho, da Bahia e Aline Ribeiro Pinho, do Liceu de Maracanaú, Ceará.

 

12.08.2010

 

Assessoria de Imprensa da Seduc:

Jacqueline Cavalcante – jacquelinec@seduc.ce.gov.br / 3101-3972