Obras de restauro no Museu Sacro de Aquiraz já estão concluídas

19 de agosto de 2010

Restaurado pela Secretária de Turismo do Estado (Setur), o Museu Sacro São José de Ribamar, em Aquiraz, já está prestes a ser reinaugurado. Conhecido como o primeiro espaço para conservação de artes sacras do Ceará, o local possui um arsenal de 640 peças entre objetos de prata, porcelana, imagens de santos, castiçais e cruzes, a maioria doada por padres jesuítas. Tombado pelo Patrimônio Histórico Cearense, as obras de restauro já foram executadas e o equipamento aguarda apenas data para inauguração. Orçado no valor total de R$ 263.267,79, o investimento é proveniente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e do Tesouro do Estado.

 

Na restauração, as obras visavam valorizar a arquitetura, cujas linhas estão iguais ao que eram em 1877, quando o prédio ganhou o  
segundo pavimento para abrigar a Casa de Câmara. Contudo, o espaço já existia desde 1742, quando era utilizado como Cadeia Pública. No local, também funcionou a primeira escola de Latim do Ceará, posteriormente transformada em fábrica de cachaça e, anos depois, desativada por se encontrar em zona urbana. Já como Museu Sacro, o espaço foi inaugurado há quarenta e dois anos, em 27 de setembro de 1967.

 

O projeto de restauro do Museu Sacro de Aquiraz teve como prioridade a manutenção das características externas e recuperação das imagens originais da antiga Casa de Câmara e Cadeia. O acesso central da fachada para o Largo da Independência foi restaurado, sendo transformado assim em uma praça. As alvenarias de pedra e cal foram deixadas com as pedras aparentes, como uma grande janela de prospecção, conferindo uma atmosfera educativa dos métodos construtivos da edificação. Com o restauro, o edifício ficará dotado de espaços, como: recepção, exposições, acervo e administração.

 

O Museu Sacro possui, na maior parte da coleção, objetos esculpidos em madeira em estilo colonial, além de lampadários dos séculos XVIII e XIX, que impressionam pela beleza. Dentre as peças raras que o espaço possui, está a imagem de Nossa Senhora de Santana, feita em madeira policromada. O simbolo veio diretamente de Portugal e foi esculpido no século XVIII.

 

Além do Museu Sacro de Aquiraz, a Setur realizou obras de restauro na Praça e Igreja Matriz, Casa do Capitão Mor e Mercado de Carne, nos quais foram investidos mais R$ 1.055.684,00.

 

19.08.2010

 

Assessoria de Imprensa da Setur

Carmen Inês (carmeninesm@setur.ce.gov.br / (85)3101.4654)