Pecém movimentou dois milhões de toneladas em setembro

13 de outubro de 2010

A movimentação de mercadorias através do Porto do Pecém registrou novo recorde no último mês de setembro. com 2106.206 toneladas. Isso representa um incremento de 70% em relação ao mesmo período do ano passado.

 

A movimentação de mercadorias através do Porto do Pecém registrou novo recorde no último mês de setembro, com 2.106.206 toneladas, o que representa um incremento de 70% em relação ao mesmo período de 2009, cujo total foi de 1.239.182.

 

O transporte de carga geral registrou movimentação de 642 mil toneladas, com variação positiva de 148%, enquanto a movimentação de contêineres teve aumento de 29% com 963 mil toneladas e a de granel líquido totalizou 50% a mais que no ano passado, movimentando 345 mil toneladas até o mês.

 

No período de janeiro a setembro foi registrada variação positiva tanto no transporte de longo curso como no de cabotagem. Somando-se a movimentação em importação e exportação no longo curso, foram transportadas 1,6 milhão toneladas com acréscimo de 83% em relação ao mesmo período de 2009.

 

Já a movimentação por cabotagem, também com o somatório das importações e exportações, registrou movimento de 485 mil toneladas e variação de 37% a mais que no ano anterior.

 

De janeiro a setembro de 2010, 386 navios utilizaram o Porto do Pecém, contra 330 no mesmo período de 2009, sendo que, em setembro, foi registrada a atracação de 48 navios.

 

Na movimentação de carga geral, também de janeiro a setembro, a liderança ficou com os produtos siderúrgicos, com 680 mil toneladas, seguindo-se frutas com 154 mil, cereais com 85 mil, sal, gesso, cal e cimento com 68 mil, caldeiras e máquinas (42 mil), plásticos e suas obras (41 mil), papel e cartão (34 mil), obras de ferro e aço (34 mil), produtos químicos inorgânicos (33 mil), produtos da indústria de moagem (33 mil), alumínio e suas obras (32 mil), algodão (23 mil), fibras sintéticas ou artificiais (21 mil), madeiras e obras de madeira (20 mil) e sabão e preparações para lavagem e lubrificantes, com 20 mil toneladas.

 

Na movimentação de longo curso os produtos com maior número de toneladas transportadas foram: produtos siderúrgicos, com 639 mil, combustíveis minerais com 267 mil, frutas, com 151 mil e minérios, escórias e cimento, com 129 mil.

 

Os produtos que tiveram maior movimentação na cabotagem foram cereais, com 85 mil toneladas, combustíveis minerais com 80 mil, sal, enxofre, gesso, cal e cimento com 61 mil, ferro fundido, ferro e aço com 40 mil e produtos da indústria de moagem com 33 mil toneladas transportadas.

 

13.10.2010

 

Assessoria de Comunicação da Cearáportos:

Joseoly Moreira (joseoly@gmail.com – 3267.2525)