Centro Educacional Dom Aluísio Lorscheider ganha fábrica de lingerie

19 de outubro de 2010

Nova oportunidade de vida se abre para jovens cearenses em conflitos com a Lei. A Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) e a Hope, uma das maiores empresas de confecção de moda íntima do País, inauguram às 10 horas, desta quarta-feira (20), uma unidade de produção de lingerie feminina, no Centro Educacional Dom Aluísio Lorscheider (Cecal), em Fortaleza. A fábrica se destina à produção de peças íntimas e capacitação de 30 jovens internos, cumpridores de medidas socioeducativas.

 

Ao fim de um ano de formação profissional, os jovens serão contratados pela empresa. Até dezembro próximo, a Hope projeta produzir 4.000 peças por dia, na fábrica do Cecal. A parceria com a Hope foi firmada há mais de um mês. Máquinas e equipamentos já estão instalados, prontos para a inauguração”, afirma a titular da STDS, Fátima Catunda. Ela lembra que outra grande empresa de confecção, a Marisol, já atua dentro do Cecal, capacitando e empregando jovens privados de liberdade, enquanto a Metalúrgica Mecânica Maia opera no Centro Educacional Patativa do Assaré (Cepa).

 

Mão de obra qualificada

O jovem é contratado por doze meses, período em que realiza atividades práticas de costura industrial, sob a supervisão da equipe de funcionários da própria empresa, participa de aulas teóricas de cidadania e sobre o mundo do trabalho, ministradas através da parceria com a ONG Sociedade para o Bem Estar da Família (Sobef). O educando é acompanhado por dois técnicos (psicólogo e assistente social) contratados, que atuam no sentido de fortalecer vínculos familiares e sociais na nova experiência profissional. Serão realizadas oficinas temáticas grupais com os familiares e visitas domiciliares.

 

Através desses convênios, atualmente, estão sendo capacitados 134 jovens, com carteiras assinadas, como aprendizes pelas empresas Marisol, Pena Surf Wear, Dilady, Metal Mecânica Maia e Hope. Em Setembro último, a STDS e a Marisol formaram mais 28 jovens do Cecal, em corte e costura, dos quais 6 já estão empregados. Esta é a primeira turma no Brasil, dentro de um Centro Educacional, coordenada pelo Projovem Trabalhador/ Juventude Cidadã, programa do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), em parceria com a STDS.

 

“Essas parcerias, feitas para superar o desafio dos preconceitos e devolver a cidadania e os sonhos aos jovens privados de liberdade, são importantes para resgatar essa juventude e revelar a responsabilidade e o compromisso social do governo do Estado e de nossas empresas”, declara Fátima Catunda.

 

Serviço:

Data: quarta-feira, 20 de outubro

Hora: 10 horas

Local: Rua Ipaumirim, 830 – Planalto Airton Senna

 

19.10.2010

 

Assessoria de Imprensa da STDS

Carlos Eugênio – imprensa @stds.ce.gov.br – Cel: 9987.0400 / 8878.8510 / 3101.2089/2099)