Terminal do Pecém inicia aterro hidráulico para o pátio de armazenagem

25 de outubro de 2010

O Terminal de Múltiplas Utilidades do Pecém (TMUT) já iniciou a construção do seu aterro hidráulico que formará o pátio de armazenagem de cargas de 87 mil metros quadrados. O equipamento está localizado em área contígua ao quebra-mar, que também está sendo ampliado em mais 1.000 metros. Com o novo píer o terminal Portuário do Pecém ficará dotado de um terminal especializado para a movimentação de contêineres com dois berços de atracação e capacidade de receber modernos navios porta contêineres que necessitam de profundidade de até 15 metros para atracação. As obras, que incluem ainda a ampliação da ponte de acesso, estão sendo executadas em três turnos de trabalho, inclusive aos domingos, devendo serem entregues no próximo ano.

 

Conforme destacou o engenheiro Luiz Hernani, diretor de Implantação e Expansão da Companhia de Integração Portuária do Ceará (Cearáportos) – órgão vinculado à Secretaria da Infraestrutura do Ceará (Seinfra) – o quebra-mar já registra 930 metros dos seus 1.000 metros de extensão, passando dos atuais 1.770 metros para 2.770 metros. Os trabalhos realizados agora em três turnos, aliado às mudanças na metodologia dos serviços estão fazendo avançar as obras, com previsão de entrega para março de 2011. Cerca de 650 operários estão envolvidos nos trabalhos.

 

A ponte de acesso até o pátio de cargas também está sendo prolongada em 348 metros, o que a deixará com 2.523 metros de extensão. A construção do TMUT vai permitir o Porto do Pecém quintuplicar sua capacidade de movimentação de cargas, passando dos atuais 150 mil TEUs/ano para 750 mil TEUs/ano.

 

25.10.2010

 

Assessoria de Imprensa da Seinfra

Luiz Guedes Neto (guedes.neto@seinfra.ce.gov.br / 85 3101.3763)

Terminal do Pecém inicia aterro hidráulico para o pátio de armazenagem

 

Além do aterro,o TMUT está ampliado em mil metros o qubra-mar, passando a ter 2.770 metros.

 

 

 

O Terminal de Múltiplas Utilidades do Pecém (TMUT) já iniciou a construção do seu aterro hidráulico que formará o pátio de armazenagem de cargas de 87 mil metros quadrados. O equipamento está localizado em área contígua ao quebra-mar, que também está sendo ampliado em mais 1.000 metros. Com o novo píer o terminal Portuário do Pecém ficará dotado de um terminal especializado para a movimentação de contêineres com dois berços de atracação e capacidade de receber modernos navios porta contêineres que necessitam de profundidade de até 15 metros para atracação. As obras, que incluem ainda a ampliação da ponte de acesso, estão sendo executadas em três turnos de trabalho, inclusive aos domingos, devendo serem entregues no próximo ano.

 

Conforme destacou o engenheiro Luiz Hernani, diretor de Implantação e Expansão da Companhia de Integração Portuária do Ceará (Cearáportos) – órgão vinculado à Secretaria da Infraestrutura do Ceará (Seinfra) – o quebra-mar já registra 930 metros dos seus 1.000 metros de extensão, passando dos atuais 1.770 metros para 2.770 metros. Os trabalhos realizados agora em três turnos, aliado às mudanças na metodologia dos serviços estão fazendo avançar as obras, com previsão de entrega para março de 2011. Cerca de 650 operários estão envolvidos nos trabalhos.

 

A ponte de acesso até o pátio de cargas também está sendo prolongada em 348 metros, o que a deixará com 2.523 metros de extensão. A construção do TMUT vai permitir o Porto do Pecém quintuplicar sua capacidade de movimentação de cargas, passando dos atuais 150 mil TEUs/ano para 750 mil TEUs/ano.

 

25.10.2010

 

Assessoria de Imprensa da Seinfra

Luiz Guedes Neto –