Comitê contra dengue discute redução de risco de epidemia em 2011

14 de dezembro de 2010

O Comitê Estadual de Mobilização contra a Dengue tem reunião marcada nesta quarta-feira (15), das 9 às 12 horas, na Secretaria da Saúde do Estado, Avenida Almirante Barroso, 600. Na pauta, a situação atual da dengue no Ceará e o reforço integrado das ações de prevenção e controle da doença para diminuir o risco de epidemia no próximo ano. Segundo indicadores do Ministério da Saúde, 86 dos 184 municípios cearenses estão com riscos alto ou muito alto de epidemia em 2011.

 

Criado pela Sesa, o Comitê Estadual de Mobilização contra a Dengue é formado por 20 instituições. São de diversas áreas para, de forma integrada, contribuir com ações de mobilização no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. Entre elas, estão a Universidade Federal do Ceará – UFC,  a Universidade Estadual do Ceará – Uece, a Universidade de Fortaleza, a Defesa Civil do Estado, a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde, o Sesc, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Décima Região Militar, o Conselho Estadual de Saúde, a Pastoral da Criança, a Federação de Bairros e Favelas, a Câmara de Dirigentes Lojistas, a Federação dos Agentes Comunitários de Saúde.

 

Desde 1986 são notificados casos de dengue no Ceará. De lá para cá foram registradas quatro epidemias, nos anos de 1987, 1994, 2001 e 2008. Este ano, conforme boletim divulgado pela Sesa, foram confirmados 11.996 casos de dengue e 19 óbitos.

 

14.12.2010

 

Assessoria de Imprensa da Sesa:

Selma Oliveira (soliveira@saude.ce.gov.br – 85 3101.6247)