Açude Quixeramobim é o primeiro reservatório da Bacia do Banabuiú a sangrar

10 de março de 2011

Dos 134 açudes monitorados pela Cogerh em parceria com o DNOCS, 23 já  sangraram. Nos últimos dias, mais cinco reservatórios registraram sangria. Forquilha (Forquilha)-Bacia Acaraú, Quixeramobim (Quixeramobim)-Bacia Banabuiú, Benguê (Aiuaba) e Valério (Altaneira)-Bacia Alto Jaguaribe e Cauhipe(Caucaia)-Bacias  Metropolitanas.

Na Bacia do Banabuiú, o Quixeramobim foi o primeiro a sangrar, com uma lâmina de 19cm. Nesta quinta-feira (10), o Prazeres, no município de Barro-Bacia Salgado, parou de sangrar. Doze reservatórios encontram-se com mais de 80% e cinco com mais de 90%. Gavião em Pacatuba-Bacias Metropolitanas, está com 97,90%, é o que está mais próximo de atingir a capacidade máxima.

O volume acumulado dos 134 açudes encontra-se com 12.275.130.967 metros cúbicos, o que representa 67,90%.

10.03.2011

Assessoria de Imprensa da Cogerh

Vanja Boaventura (vanja.boaventura@cogerh.com / 85 3218.7024)