Curso de Engenharia Civil da UVA é o mais concorrido do Ceará em 2011

7 de julho de 2011

Em 2011, o curso de Engenharia Civil e Ambiental da Universidade Estadual Vale do Acaraú alcançou a maior concorrência entre todos os cursos de Engenharia Civil ofertados no Estado, com uma média anual de 13,46 candidatos por vaga. O número ultrapassa a concorrência divulgada pelo Sistema de Seleção Unificada (SISU) do curso de Engenharia Civil da Universidade Federal do Ceará (UFC), que atingiu a marca de 12,69 candidatos por vaga.

 

De acordo com dados da Comissão Executiva de Processos Seletivos da UVA (CEPS), a concorrência do Curso de Engenharia Civil da Universidade Estadual Vale do Acaraú, no Vestibular 2011.1, já tinha superado a da UFC. Foram 625 inscritos para disputar as 40 vagas ofertas em período integral – relação de 15,63 candidatos por vaga. Em 2011.2, a concorrência foi de 11,3.

 

Para o coordenador do curso de Engenharia da UVA, professor Juscelino Chaves Sales, o crescimento do número de candidatos para o curso pode ser explicado pelo desenvolvimento econômico do país e pela necessidade de profissionais. “Houve um crescimento econômico muito grande durante o Governo passado, o que ocasionou uma demanda maior por engenheiros. As obras na região Norte do Ceará também aumentaram as possibilidades de emprego”, disse o coordenador.

 

Apesar do momento econômico favorável em todo o país, não é este o único motivo para o curso da UVA estar entre os mais procurados pelos estudantes no Estado, na opinião do professor Francisco Carvalho, um dos fundadores do Curso de Engenharia da UVA e coordenador de Ciência e Tecnologia da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece). “Já em 2008, antes que a primeira turma concluísse seus estudos, um dos nossos alunos foi aceito em cinco instituições (UFPB, UFPE, UFAL, UFSC e UEFS) no processo de seleção de mestrado. O primeiro lugar, em 2010, e os dois primeiros da seleção de mestrado da UFC, em 2011, ficaram com egressos da Engenharia da UVA”, lembra Francisco.

 

Criado há sete anos, por meio da Resolução 001/2004 do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UVA (CEPE), o Curso tem sido, também, destaque em eventos científicos no Brasil e no exterior, com apresentação de trabalhos de pesquisa desenvolvidos por seus alunos.

 

Desde 2003, a UVA promove, juntamente com Instituto de Estudos dos Materiais de Construção (IEMAC), um dos mais importantes fóruns de Engenharia da América Latina: o Congresso Internacional sobre Patologia e Reabilitação de Estruturas (CINPAR). Em 2011, o Congresso aconteceu em Fortaleza, no período de 1 a 4 de junho, e contou com palestrantes de 12 países.

 

07.07.2011

 

Assessoria de Comunicação da Secitece

Simplícia Vianna Sinibaldi (85 8833.3217 / plicia@a2online.com.br)