Reunião entre técnicos da ARCE e ANEEL discutirá Indicadores de Qualidade

29 de julho de 2011

Técnicos da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará (Arce), participam entre os dias 1º e 4 de agosto, em Brasília, de reunião com dirigentes da Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel. O objetivo do encontro é apresentar resultados e  compartilhar informações no âmbito da nova Metodologia de Custos de Referência e Indicadores de Qualidade que orientarão a descentralização de atividades  às demais agências estaduais. Explica-se:  as atividades exercidas pela Arce na regulação do serviço de distribuição de energia elétrica no Ceará começaram em 1999, a partir de convênio celebrado com a Agência Nacional de Energia Elétrica.

 

Entretanto, no início de 2011 mudou-se a metodologia aplicada. Apenas duas agências atuam como piloto nesse novo formato: a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará e a Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul.

 

A mudança mais significativa em relação à metodologia anterior, foi a definição do custo de referência, que passou a orientar o orçamento das atividades, contribuindo para um melhor gerenciamento dos custos, transparência, simplicidade e eficiência. Assim, o modelo de prestação de contas baseada nos convênios de cooperação técnica anteriores não mais existe, mas sim o que avalia a quantidade e tempestividade do produto previsto e apresentado, baseado nos indicadores de qualidade definidos pela Aneel. No decorrer deste ano, as agências piloto, em conjunto com a Aneel, indicarão pontos de interrogação do processo e os possíveis ajustes relacionados à composição dos custos de referência dos produtos, possibilitando que em 2012 – ano em que será obrigatória a adoção do novo modelo pelas Agências Estaduais interessadas em receber a delegação da Aneel – o modelo esteja consolidado.

 

Do encontro, participarão o diretor executivo da Arce, Luís Alberto Aragão Sabóia;  o coordenador de Energia , Eugênio Braúna Bittencourt; o analista de regulação Dickson Araújo e a gestora de contrato Tatiana Sampaio, além da ouvidora Daniela Cambraia.  A  reunião técnica atende ao exposto no Convênio de Cooperação firmado entre Arce e Aneel.

29.07.2011

Assessoria de Comunicação da Arce
Angélica Martins (85) 3101.1020 – 3101.1030 (Fax)

Reunião entre técnicos da ARCE e ANEEL discutirá Indicadores de Qualidade    Técnicos da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará (Arce), participam entre os dias 1º e 4 de agosto, em Brasília, de reunião com dirigentes da Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel. O objetivo do encontro é apresentar resultados e  compartilhar informações no âmbito da nova Metodologia de Custos de Referência e Indicadores de Qualidade que orientarão a descentralização de atividades  às demais agências estaduais. Explica-se:  as atividades exercidas pela Arce na regulação do serviço de distribuição de energia elétrica no Ceará começaram em 1999, a partir de convênio celebrado com a Agência Nacional de Energia Elétrica.   Entretanto, no início de 2011 mudou-se a metodologia aplicada. Apenas duas agências atuam como piloto nesse novo formato: a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará e a Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul.  A mudança mais significativa em relação à metodologia anterior, foi a definição do custo de referência, que passou a orientar o orçamento das atividades, contribuindo para um melhor gerenciamento dos custos, transparência, simplicidade e eficiência. Assim, o modelo de prestação de contas baseada nos convênios de cooperação técnica anteriores não mais existe, mas sim o que avalia a quantidade e tempestividade do produto previsto e apresentado, baseado nos indicadores de qualidade definidos pela Aneel. No decorrer deste ano, as agências piloto, em conjunto com a Aneel, indicarão pontos de interrogação do processo e os possíveis ajustes relacionados à composição dos custos de referência dos produtos, possibilitando que em 2012 - ano em que será obrigatória a adoção do novo modelo pelas Agências Estaduais interessadas em receber a delegação da Aneel - o modelo esteja consolidado.   Do encontro, participarão o diretor executivo da Arce, Luís Alberto Aragão Sabóia;  o coordenador de Energia , Eugênio Braúna Bittencourt; o analista de regulação Dickson Araújo e a gestora de contrato Tatiana Sampaio, além da ouvidora Daniela Cambraia.  A  reunião técnica atende ao exposto no Convênio de Cooperação firmado entre Arce e Aneel.    29,07,2011  Assessoria de Comunicação da Arce Angélica Martins – Jornalista (85) 3101.1020 – 3101.1030 (Fax)