Ceará registra 7.820 empregos gerados em julho

16 de agosto de 2011

A geração de empregos com carteira assinada no Ceará cresceu 0,74% no mês de julho. Ou seja, foram criados 7.820 postos de trabalho. Nos sete primeiros meses do ano, o número de vagas criadas foi de 29.449 (2,8%) e nos últimos meses foram criadas 68.872 novas vagas, ou seja, 6,90%. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e foram divulgados nesta terça-feira (16) pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o desempenho foi proveniente da expansão dos setores de serviços (3.183), indústria de transformação (1.420), comércio (1.393) e construção civil (1.259).

 

“No início do segundo semestre, percebemos o aquecimento da economia e uma ampliação no número de empregos gerados e este resultado positivo nos alegra ainda mais, pois são empregos com carteira assinada, que garantem mais benefícios aos trabalhadores”, analisa o presidente do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), Francisco de Assis Diniz.

 

Na Região Metropolitana de Fortaleza, durante os sete primeiros meses de 2011, foram gerados 5.727 novos postos de trabalho, o que equivale a 0,71% de expansão no período.

 

16.08.2011

 

Assessoria de Comunicação do IDT

Ana Clara Braga (anaclara@idt.org.br / 3101.5500)