Agrotóxicos cadastrados no Estado são disponibilizados para consulta no site da Semace

17 de agosto de 2011

A exemplo do Ministério da Agricultura que possui o sistema Agrofit para consulta de produtos agrotóxicos e afins registrados no País, a Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) tem agora, em seu site, uma área com a mesma finalidade para consulta de produtos cadastrados no Ceará. A iniciativa é da Diretoria Florestal (Diflo) da autarquia e visa evitar a comercialização indevida de produtos não legalizados no Estado, além de trazer mais transparência e agilidade nas informações fornecidas.

 

A consulta está disponível no endereço http://www.semace.ce.gov.br/florestal/agrotoxicos/consulta-de-agrotoxicos/, podendo o comprador pesquisar por fabricante, nome e tipo de agrotóxico. Além das informações anteriores, também pode-se verificar o prazo de validade do cadastro, que é de cinco anos.

 

De acordo com o engenheiro agrônomo da Diflo, Flávio Rêgo, a consulta permitirá mais acesso e divulgação dos dados para as empresas revendedoras, que poderão adquirir produtos com certificação confiável. “Sabendo quais estão legalmente cadastrados, os comerciantes evitam multas provenientes das fiscalizações da Semace”, esclareceu. Para Rêgo, a novidade trata a um só tempo a questão ambiental, de saúde e a agronômica.

 

Ainda conforme o engenheiro, a consulta ainda passará por melhorias. “Futuramente ainda pretendemos acrescentar campos que informem a toxidade, o potencial de periculosidade ambiental (PPA) e a quais tipo de culturas o agrotóxico em questão se adequa. É muito comum um mesmo produto ser utilizado para vários tipos de plantações, ainda que não seja próprio para elas”, informou.

 

17.08.2011

Assessoria de Imprensa Semace

Luanna Patrícia (85 3101.5554)

Twitter:@semace