Primeiro encontro com pacientes que receberam implante coclear acontece nesta terça

26 de setembro de 2011

Proporcionar uma melhor reabilitação auditiva dos pacientes implantados. Este é o principal objetivo do I Encontro de Implante Coclear do HGF, que acontece nos dias 27 e 28 de setembro de 2011, no auditório principal do HGF. A ideia é levar informações aos profissionais e cuidadores de Fortaleza e do interior do estado sobre como melhorar a evolução comunicativa dos pacientes e sobre os cuidados com o dispositivo auditivo. O evento é realizado pelos setores de Otorrinolaringologia e Fonoaudiologia do HGF, com o apoio da empresa austríaca MED-EL, fornecedora dos implantes auditivos. O evento é destinado aos profissionais fonoaudiólogos, assistentes sociais, otorrinos, psicólogas, cuidadores, implantados e pais dos implantados.

 

O encontro será aberto nesta terça-feira (27) às 8 horas, com uma apresentação da equipe interdisciplinar, que integra médicos, fonoaudiólogas e assistente social do HGF. Dentro da programação, serão debatidos temas como a reabilitação dos pacientes usuários do implante coclear, cuidados e soluções de problemas e tecnologias para um melhor acompanhamento de pacientes.

 

Trinta e nove pacientes já receberam o implante coclear no HGF. O hospital foi credenciado pelo Ministério da Saúde para realizar cirurgias para implante coclear em dezembro de 2009. Este ano, já foram realizados 15 implantes. A expectativa é de que sejam realizadas 24 cirurgias até dezembro. Um investimento de cerca de um milhão de reais do Governo Federal.

 

O implante coclear é realizado pelo SUS desde 2000 e o Ministério da Saúde investe R$ 45,8 mil para o atendimento de cada paciente. O Sistema Único de Saúde (SUS) fornece o ouvido biônico, uma prótese que é implantada por meio de cirurgia no ouvido de pacientes com deficiência auditiva. O equipamento auxilia o cérebro a interpretar os estímulos sonoros, devolvendo o sentido ao paciente. Em todo o Brasil, há 22 unidades de saúde com capacidade para realizar o procedimento. Elas estão distribuídas no Distrito Federal e nos estados da Bahia, Ceará, Minas Gerais, Pará, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo e Santa Catarina, credenciado este ano. No total, o SUS já realizou cerca de 3.000 cirurgias de 2000 até fevereiro deste ano.

 

O atendimento aos pacientes do Programa de Implante Coclear acontece sempre às terças e quintas-feiras nos turnos manhã e tarde. Hoje, estão sendo avaliados 49 pacientes, candidatos a receber o implante coclear, indicado quando a prótese amplificadora já não ajuda.

 

26.09.2011 

 

Assessoria de Comunicação do HGF

Gilda Barroso (gildabarroso@gmail / 85 9925.5762 – 85 3101.7086)