Uece terá comunicação com fibra ótica e rede sem fio

29 de setembro de 2011

Dentro da política de modernização da institucional implantada pela atual administração, a Universidade Estadual do Ceará (Uece) conseguiu a aprovação do Netcampi, projeto que viabilizará a comunicação com fibra ótica e rede sem fio para interligar os campi da Universidade localizados no interior com os de Fortaleza. A expectativa é de que até 2012, o acesso à internet e a oferta de outros serviços, como telefonia, serão baseados em protocolo IP. O investimento será de R$ 997.924,00, com recursos do Governo Federal, por meio de programa da  Finep, órgão do Ministério de Ciência e Tecnologia.

 

O Netcampi beneficiará todos os programas de pós-graduação da Uece e permitirá que os pesquisadores do interior tenham as mesmas facilidades dos colegas em Fortaleza. Hoje, a Universidade conta com 135 grupos de pesquisa cadastrados no CNPq e possui 25 programas de pós-graduação, sendo quatro Doutorados, 14 Mestrados acadêmicos e sete Mestrados profissionais.

 

Além dos campi de Fortaleza (Itaperi, que é a sede administrativa, e Fátima), a Uece está presente em seis municípios: Limoeiro do Norte, Quixadá, Iguatu, Tauá, Crateús e Itapipoca. Nestas cidades, a rede ligar-se-á ao cinturão digital do Ceará e todos os professores e alunos poderão contar com wireless.

 

29.09.2011 

 

Assessoria de Imprensa da Uece

Fátima Serpa (fatima.serpa@uece.br | 85 3101.9605)