Caravanas de produtores visitam o 8º CajuNordeste

23 de novembro de 2011

Cerca de 100 produtores de caju dos municípios cearenses de Amontada, Barreira, Itapipoca, Itarema, Trairi e Tururu irão participar, nos dias 24 e 25 de novembro, do 8º CajuNordeste. A ida dos produtores ao evento em Beberibe-CE será possibilitada pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), através do projeto Intercaju, de desenvolvimento da cajucultura no Estado.

A Secitece vai viabilizar o transporte das caravanas de agricultores e também sua alimentação no local, por meio de uma parceria com o Instituto CajuNordeste, realizador do evento. Além de participarem da programação técnica, terão à disposição um stand medindo 18m², para exposição dos produtos elaborados pelos produtores e também dos resultados dos treinamentos realizados pelo projeto Intercaju em 2011.

 

De acordo com José Ismar Parente, consultor da Secitece, a programação do 8º CajuNordeste vai de encontro aos objetivos do Intercaju. “Lá serão abordados temas como a cajucultura nas pequenas e médias produções, além de assuntos relacionados à inclusão social que a atividade proporciona para produtores da agricultura familiar”.

 

Com o Tema Central “Aproveitamento integral e sustentável das potencialidades do cajueiro”, o evento será realizado até o dia 26 de novembro e foca sua programação nas diversas oportunidades de negócios dentro da cadeia produtiva do caju, além de mostrar as inovações tecnológicas disponíveis do setor. Têm como público alvo principalmente os empreendedores rurais, agricultores familiares e agroindustriais.

 

A programação incluirá uma feira de empreendedores do caju, agricultura familiar e atividades consorciadas, com exposição, demonstração e comercialização de produtos, serviços, máquinas e equipamentos agrícolas e industriais; painéis temáticos, cursos, minicursos, palestras, oficinas técnicas, clínicas tecnológicas e mesas redondas; e festival gastronômico com comidas feitas à base de caju.

Sobre o Intercaju – O projeto atende aos produtores de caju dos territórios dos Vales do Curu e Aracatiaçu e Maciço de Baturité, promovendo a inclusão social e produtiva das organizações coletivas. Dentre as medidas implantadas, estão o estímulo à organização dos produtores e a inserção, dentro da cadeira produtiva, de tecnologias que garantam aumento na produtividade, o que traz também melhoria das condições de trabalho e ocupação da mão de obra nos diversos elos da cadeia do caju.

 

O projeto Intercaju foi concebido pelo Governo do Estado, através da Secitece, e é realizado junto com a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Sebrae/CE.

 

Em 2011, o Intercaju realizou diversas atividades, dentre elas os treinamentos “Sistema de Produção do Cajueiro: Tratos Culturais, Controle Fitossanitário e Processamento Industrial”; “Cultura do Cajueiro e Processamento da castanha e do Pedúnculo”; “Substituição de copa de cajueiro: módulo I – Operação e manutenção de motosserra” e “Gestão de mini fábricas de castanha”. Ao final deste último, fez a entrega aos agricultores de motosseras – equipamentos que auxiliam no tratos culturais, fitossanitários e também a colheita.

 

23.11.2011

Assessoria de Comunicação da  Secitece

Cynthia Pinheiro Cardoso (cynthiacardoso85@gmail.com / 85 3101.6466 – 6469)

Twitter: @Secitece