Governo do Estado assume execução das obras do Anel Viário

19 de dezembro de 2011

O governador Cid Gomes e o diretor geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), General Jorge Fraxe, assinaram nesta segunda-feira (19), no Palácio da Abolição, o convênio para a conclusão das obras de duplicação e melhoramentos do Anel Viário. Conforme o documento, o Estado vai assumir a execução das obras e receberá os recursos do DNIT. O convênio envolve recursos de R$ 200.465.573,22. O início das obras será no próximo mês de janeiro e a sua conclusão está prevista para 2015.

 

“É muito importante a conclusão da obra para o sistema viário de Fortaleza, sobretudo, para o transporte de cargas. Vale ressaltar a credibilidade do Governo do Estado junto à nova administração do DNIT em confiar o gerencamento desta obra, que está paralisada há um ano”, destacou Adail Fontenele, secretário de Infraestrutura do Estado.

 

O Anel viário compreende 32 km de extensão. Ele começa na CE-040 (Eusébio), segue pela BR-116 (Itaitinga), passa pela CE-060 (Maracanaú)), CE-065 (Maranguape) e passa pela BR-020 (Caucaia), indo até a avenida Mister Hull. A reforma do Anel Viário permitirá melhoria de tráfego, principalmente para o Distrito Industrial de Maracanaú, Maranguape e Ceasa, que atualmente sofre com o congestionamento. A duplicação é parte do Plano de Logística de Transporte do Porto do Pecém. A nova pista será de pavimento de concreto, mais resistente e com maior durabilidade.

 

19.12.2011

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Casa Civil (comunicacao@casacivil.ce.gov.br / 85 3466.4898)