Maior chuva deste ano na Capital chega a quase 200mm

27 de Março de 2012

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou, na manhã desta terça-feira (27), a maior chuva do ano em Fortaleza – foram 197,5 milímetros no posto pluviométrico do Pici. Desde que começou a série histórica da Funceme, em 1974, este é o segundo maior registro na Capital, ficando atrás apenas do dia 29 de janeiro de 2004, quando choveu 250mm.

 

De acordo com os meteorologistas, o que provocou a intensa precipitação foi a atuação de dois sistemas. “A Zona de Convergência Intertropical – uma linha organizada de nuvens que oscila entre o Oceano Atlântico e o Norte/Nordeste do Brasil – é o principal causador de chuvas no Ceará nesta época do ano. Durante a madrugada ela foi atraída por um vórtice ciclônico – uma circulação de ventos em níveis elevados da atmosfera – que acabara de se formar sobre o Nordeste e trouxe nuvens carregadas para o litoral de Fortaleza”, explica a chefe da Divisão de Meteorologia da Funceme, Meiry Sakamoto.

 

Nas outras regiões do Estado, as chuvas ocorreram de forma irregular. Houve registros no litoral, na área da Ibiapaba, e zonas próximas a Iguatu e Icó. Porém, de forma geral, quase não choveu nas regiões do Sertão Central, Inhamuns, Jaguaribana e Cariri. No total, foram registradas precipitações em 75 municípios. Em São Gonçalo do Amarante, choveu 113mm e em Iguatu 97mm.

 

Previsão

 

Para o período da tarde e para amanhã, a previsão da Funceme é de céu nublado com possibilidade de chuva no litoral. Nas demais regiões o tempo deve variar entre nublado e claro, com precipitações isoladas.

 

Lista dos 10 maiores registros de chuva em Fortaleza (desde 1974):

29/01/2004 – 250.0
27/03/2012 – 197.5
20/03/1988 – 189.0
29/01/2004 – 180.6
07/03/2004 – 173.8
29/01/2004 – 170.3
02/06/1977 – 168.0
07/03/2004 – 162.5
24/04/1997 – 162.0
21/03/1981 – 161.6

 

27.03.2012

Assessoria de Imprensa da Funceme

Guto Castro (comunicacao@funceme.br / 85 3101.1099)