Casa Digital capacita facilitadores em Itapipoca e Paracuru

17 de Abril de 2012

O Projeto Casa Digital do Campo realiza até 22 de abril Oficinas de Acompanhamento dos Projetos do Campo. Os eventos acontecem simultaneamente na Casa Digital Coqueiro-Assentamento Maceió, Casa Digital Córrego da Estrada, em Itapipoca, e na Casa Digital Assentamento Fazenda Munguba, em Paracuru. As oficinas objetivam fortalecer a troca de experiência das pessoas envolvidas com as atividades das casas digitais do campo e bibliotecas Arca das Letras.

 

De acordo com Diógenes Melo, da coordenação do projeto, cada encontro reúne em torno de 30 participantes, incluindo coordenadores do projeto, agentes de inclusão digital e moradores das comunidades beneficiadas. “A ideia é realizar essas capacitações nas 30 casas digitais que já estão funcionamento e depois nas casas que serão inauguradas”, frisou.

 

As atividades contam com a participação de uma equipe do Instituto Nordeste Cidadania (INEC), que trabalha a parte de arte e identidade, através do mutirão para ambientação das casas digitais. O Núcleo de Artes e Educação (NAE) também colabora com a ação, desenvolvendo atividades que promovem a produção cultural, incluindo a confecção de instrumentos musicais a partir de produtos recicláveis.

 

Uma equipe da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA) orienta os participantes sobre a manutenção preventiva das máquinas e equipamentos das casas digitais e uso de softwares livres. Além disso, apresentam as ações da SDA, mostram as formas de acesso às governamentais e ajudam a elaborar projetos para as comunidades.  

 

17.04.2012

Assessoria de Comunicação da SDA

Lúcio Filho (lucio.filho@sda.ce.gov.br | asscom@sda.ce.gov.br / 85 3101.8105 – 8897.8510)

Twitter: @ImprensaSDA