1.850 testes do pezinho já foram realizados no Hospital César Cals em 2012

5 de junho de 2012

Todo mês, cerca de 450 bebês nascem no Hospital Geral Dr. César Cals, unidade da rede estadual de saúde e referência em ginecologia e obstetrícia. A atenção à maternidade tem início ainda durante a gestação, quando as mães têm acesso ao ambulatório de obstetrícia, para as consultas de pré-natal, acompanhamento especializado na Casa da Gestante e consultas mais específicas no ambulatório de medicina fetal, que trata de problemas com os bebês ainda na barriga da mãe.

 

Após o nascimento, os cuidados continuam com as vacinas indicadas e testes essenciais ao bebê, como a triagem neonatal, mais conhecida como teste do pezinho, para detectar e evitar problemas futuros, teste do olhinho e o teste da orelhinha. Para se ter uma ideia, de janeiro a maio desse ano, o HGCC já realizou cerca de 1.850 testes do pezinho.

 

De acordo com Geni Rodrigues Loiola Coelho, analista clínica do HGCC, o teste do pezinho é uma ação preventiva, que permite fazer o diagnóstico de doenças congênitas, assintomáticas no período neonatal, ou seja, entre zero e 28 dias de vida, a tempo de interferir no curso de doenças que venham a ser detectadas, permitindo que o tratamento seja iniciado em tempo hábil para a diminuição ou eliminação de sequelas associadas, como retardo mental, atraso no crescimento, entre outras complicações. É importante estacar que as sequelas são irreversíveis. “As mães precisam levar seus filhos para fazer o teste, dada a importância dele para a saúde futura do bebê. O teste é gratuito e garantido por lei”, ressalta.

 

O procedimento é bem simples e é feito por meio da coleta de sangue no pé do recém-nascido, por ser uma parte do corpo quase indolor e rica em vasos sanguíneos. De acordo com o Ministério da Saúde, o teste deve ser realizado a partir de 48 horas após o nascimento e de alimentação proteica, e nunca depois de 30 dias de nascido, sendo o ideal entre terceiro e o sétimo dia de vida do bebê. No HGCC, o teste pode ser realizado de segunda á sexta-feira, de 9 horas às 11h30min e de 13 horam às 15 horas. Os pais devem comparecer ao ambulatório do Hospital César Cals, na Avenida do Imperador, 372, Centro, e levar o documento da alta hospitalar no qual constam as informações sobre a data do nascimento  e o peso do bebê.

 

05.06.2012

Assessoria de Comunicação do HGCC

Wescley Jorge (ascom@hgcc.ce.gov.br / 85 3101.5323 – 8828.7463)

Twitter: @Hosp_CesarCals
Facebook.com/HospitalGeralCesarCals