Oito bacias hidrográficas do Ceará apresentam volume acima de 50%

20 de junho de 2012

Das 12 bacias hidrográficas monitoradas pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), onde estão localizados 139 açudes cearenses, oito apresentam volume acima de 50%, dentre elas as bacias do Alto Jaguaribe – onde estão localizados os açudes Orós (91%), Muquém (97%) e Valério (98%), que atualmente está com 90% da sua capacidade total e mais de 2 bilhões de metros cúbicos de água armazenados, e do Médio Jaguaribe, que atualmente está com 68% da sua capacidade total e com um volume de mais de 4 bilhões de m³ de água armazenados, onde está localizado o açude Castanhão (68,5%), reservatório considerado estratégico para o abastecimento da região metropolitana de Fortaleza.

 

Outras quatro bacias hidrográficas apresentam volume abaixo de 50%. Apresentam esse quadro as Bacias do Baixo Jaguaribe, que apresenta atualmente um volume de 48,40%, o que representa um acúmulo de 11.615.086,  do Curu, que está com 40,91% da sua capacidade total, o que representa um acúmulo de 432.318.064 m³ de água, e do Parnaíba, que que apresenta atualmente um volume de 46,10%, o que representa um acúmulo de 280.573.760 m³ de água.

 

Apesar de algumas bacias apresentarem volume abaixo de 50%, os investimentos realizados em infraestrutura hídrica pelo Governo do Estado do Ceará nos últimos anos garantem a segurança  para o consumo humano, industrial e de outros usos.

 

20.06.2012

Assessoria de Comunicação da Cogerh

Leonardo Meireles (ascom@cogerh.com.br / 85 3218.7025 – 3218.7024)

Twitter: @Cogerh_ce