Internautas acompanham evolução das obras do Hospital Regional Norte

20 de julho de 2012

Em fase de conclusão, com mais de 90% das obras prontas, o Hospital Regional Norte, em Sobral, receberá mais um grupo de internautas que curtem o facebook do governo do Estado (www.facebook.com/governodoceara). A segunda visita guiada está marcada para as 9 horas deste sábado (21) com o secretário da saúde do Estado, Arruda Bastos, mostrando a evolução das obras e quais serviços e exames a população terá acesso no hospital que será o maior do interior do Nordeste, com 57 mil metros quadrados. Da primeira visita, há dois meses, quando o HRN estava com 85% das obras concluídas, até agora, muitos detalhes da construção avançaram e foram definidos. Um exemplo: as unidades de pediatria e de obstetrícia já estão até com a iluminação instalada.

 

Os internautas que irão à visita guiada foram sorteados. Participam do projeto no perfil do governo da rede social Facebook, que tem como objetivo mobilizar e atrair a população para conhecer de perto as principais obras estruturantes mesmo antes de serem inauguradas. Entre as grandes obras que o governo do Estado está construindo e que já receberam a visita de internautas está o estádio Castelão. O Centro de Eventos do Ceará e a primeira etapa da Linha Sul do Metrô de Fortaleza, já entregues à população, também foram visitadas por internautas antes das inaugurações.

 

Exames complexos

O Hospital Regional Norte fica em Sobral, na Rua Jonh Sanford, no bairro Junco, mas vai atender a população dos 55 municípios de toda a macrorregião Norte, no total de 1,5 milhão de habitantes. Com perfil de assistência em alta complexidade, o HRN vai ampliar e facilitar o acesso aos serviços de saúde na própria região, realizando exames que  na rede pública da região Norte ainda não são realizados, como a ressonância magnética. Só na aquisição de equipamentos, o Governo do Estado está investindo R$59.429.435,00. Nas obras, o investimento é de R$169.653.512,73. Somando obras e equipamentos, totaliza R$229.082.947,73.

 

Arruda Bastos, antes de iniciar a visita e de percorrer as mais diferentes unidades do novo hospital acompanhado dos internautas visitantes, fará uma apresentação mostrando a dimensão e o perfil de assistência. Serão 382 leitos. Desses, 70 são UTIs. Exclusivamente para a pediatria foram construídos 30 leitos semi-intensivos. Além da emergência urgência e do prédio de internação, com cinco andares, a população da região Norte terá atendimento especializado na saúde da mulher e da criança. No HRN terá ainda a Unidade de Psiquiatria, com 21 leitos.

 

Profissionais

Como hospital-escola, o hospital formará profissionais na unidade construída especificamente para o ensino e pesquisa. No HRN, serão ao todo 1.641 profissionais. A contratação ocorre através de seleção pública, que está com as inscrições abertas desde o dia 3 deste mês até o próximo dia 5 de agosto, através do Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (www.isgh.org.br).

 

Rede de assistência

O Hospital Regional Norte será o segundo hospital no interior construído no governo Cid Gomes. O primeiro foi o Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte, que desde abril do ano passado atende a população dos 44 municípios da macrorregião do Cariri. O compromisso de expandir a assistência à saúde no interior, descentralizando o atendimento na capital, inclui ainda o Hospital e Maternidade Regional do Sertão Central, que está no início das obras, e o Hospital Regional Metropolitano, com o edital de licitação das obras previsto para ser lançado no próximo mês. A nova rede de assistência é formada também por policlínicas regionais para ampliar e facilitar o acesso a consultas e exames especializados, com sete entregues à população em Baturité, Camocim, Tauá, Pacajus, Itapipoca, Brejo Santo e Sobral. O acesso aos serviços de saúde bucal também estão sendo assegurados. Integram a rede de assistência 18 novos Centros de especialidades Odontológicas (CEOs regionais). Treze dos 18 CEOs foram concluídos e entregues em Ubajara, Baturité, Acaraú, Russas, Limoeiro do Norte, Sobral, Crato, Juazeiro do Norte, Brejo Santo, Itapipoca, Crateús, Caucaia e Camocim.

 

A nova rede de assistência abrange também serviços de urgência e emergência. Em Fortaleza, o Governo do Estado, com apoio do Ministério da Saúde, construiu quatro Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24horas). Estão em funcionamento nos bairros Praia do Futuro, Autran Nunes, Messejana e Canindezinho. Na Região Metropolitana construiu UPA 24h em Maranguape, funcionando desde novembro do ano passado, e em Caucaia, há uma semana. Há mais oito prontas para serem inauguradas no Eusébio, Horizonte, Pecém – em São Gonçalo do Amarante, Canindé, São Benedito, Aracoiaba, Crateús e Pentecoste. No total, são 48 UPAs na rede de urgência e emergência.

 

Confira a lista dos visitantes deste sábado (21):
Adairton Junior
Adrienne Nunes De Vasconcelos
Alex Balica
Bruno Franklin
Bruno Magalhaes
Carlos Antonio Gomes
Cláudia Muniz
Cristiano Costa
Domingos Filho
Edite Lourenço
Edyson Lima
Eliano Pessoa
Emanuel Mesquita
Fabiana Gomes
Glaudestony Aragão Ferreira
Gracimar Portela
Henrique Alves
Henrique Silveira
Holivane Holanda
Igor Pereira
Ingred Souza
Jakeline Barbosa
Joao Calazans
John Lenno Linhares
Jonas Ximenes
José Filho
Karlos Ripardo Balbino
Larissa Arruda Viana
Leandro Costa
Lourdinha Vasconcelos
Lucas Braga
Lucas Farias
Lucas Natanael
Marcos Almeida
Miguel Marcelo
Monaclesia Gonçalves Pinheiro Palácio
Morganna Batista
Pedro Davy
Régis Linhares
Renato Ribeiro
Ricco Scott
Rômulo Barroso
Rômulo Magalhães
Sandra Lira
Teresa Kristina Maciel
Wagner Menezes
Wagner Portela
Welton Lima

 

20.07.2012

 

Assessoria de Imprensa da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220/ 8733.8213)