Trens da Linha Oeste recebem limpeza

20 de agosto de 2012

Com a preocupação de evitar riscos para a segurança do tráfego de trens, o Metrô de Fortaleza está realizando uma operação de limpeza ao longo da linha Oeste, a qual liga Fortaleza a Caucaia. O acúmulo de lixo nessa faixa é ocasionado pelo despejo de dejetos a céu aberto e inadequadamente no local.

 

De acordo com o gerente de Sistemas Fixos e Via Permanente, Paulo Cunha, a intenção é que o trabalho aconteça com uma constância permanente. “Estamos tentando fazer de quatro em quatro meses, ou seja, três vezes por ano”, afirma. Contudo, é importante salientar que a ação tem caráter paliativo e emergencial, sendo necessário que a população colabore para que a faixa de domínio da via não se torne também um celeiro de doenças como a dengue, por exemplo.

 

Até agora, a limpeza foi realizada entre a estação Padre Andrade e a Avenida Coronel Carvalho, o que perfaz um percurso de aproximadamente 1.000 metros; e, no momento, os esforços têm se concentrado entre a estação Álvaro Weyne e o Posto 05, localizado antes da Marinha. Segundo Cunha, estes são os pontos mais críticos. Nessa primeira etapa, contou-se com a parceria das Regionais I e III da Prefeitura Municipal de Fortaleza que fornecem as caçambas para o recolhimento dos rejeitos. Em breve, será realizada a retirada de lixo com apoio da Prefeitura de Caucaia nas estações São Miguel e Jurema, locais também preocupantes para o gerente.

 

Todo o lixo recolhido é direcionado para Aterro Sanitário Metropolitano Oeste de Caucaia (Asmoc).

 

20.08.2012

Assessoria de Imprensa do Metrô de Fortaleza

Luanna Patrícia (85 3101.7115 – 8563.3186)