Reforma amplia e humaniza acolhimento de pacientes com Diabetes e Hipertensão

22 de agosto de 2012

O Centro Integrado de Diabetes e Hipertensão (CIDH), unidade da Secretaria da Saúde do Estado, passou por ampliação e reforma das instalações para restauração do teto, pintura e sistema de refrigeração de ar. Com os espaços recuperados, o CIDH passou a contar com 13 consultórios médicos e cinco ambulatórios de procedimentos, além dos seis consultórios de enfermagem e os de nutrição, fisioterapia e nutrição, que foram restaurados. Para humanizar o acolhimento dos cerca de 250 pacientes que todo dia são atendidos, as recepções da farmácia e do serviço social ganharam paineis de senhas para evitar filas, organizar e agilizar o atendimento.

 

Unidade referência na assistência a pacientes com diabetes, o CIDH funciona na rua Silva Paulet, 2406, Dionísio Torres. O CIDH recebeu investimento de R$ 594 mil do Ministério da Saúde para as obras de ampliação e reforma. Com a ampliação, aumentou de um para dois o número de consultórios odontológicos, além de todos os equipamentos de saúde bucal serem novos e de alta tecnologia. O ambulatório de pé diabético também é novo. Nas novas instalações há vários espaços para a educação continuada de pacientes, como a “Arena da educação”, um espaço planejado e decorado para as rodas de conversa entre profissionais e pacientes, que orientam sobre alimentação saudável, a importância dos exercícios físicos e os cuidados com a saúde bucal.

 

A estimativa é de que no Ceará existam 380 mil pessoas portadoras de diabetes. Cerca de 56% da população diabética não sabe que tem a doença e 40% dos diabéticos não conseguem realizar o controle adequado da enfermidade. A hipertensão arterial acomete 935 mil pessoas com mais de 30 anos de idade no Estado. A doença é o principal fator de risco para o Acidente Vascular Cerebral (AVC) e está associada a enfermidades como diabetes e às complicações renais.

 

22.08.2012

Assessoria de Imprensa da Sesa

Selma Oliveira / Marcus Sá (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 – 3101.5221 – 8733.8213)