Ceará será sede da Conferência da ONU sobre Desertificação

23 de agosto de 2012

O Ceará vai sediar o debate mundial em torno da desertificação. A 2ª Conferência Científica da Convenção das Nações Unidas sobre Combate à Desertificação (UNCCD) será realizada em 2013. O lançamento oficial do evento aconteceu nesta quinta-feira (23), no Palácio da Abolição, com as presenças do ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, e do secretário da Ciência e Tecnologia, René Barreira. Após o lançamento da Conferência, o governador Cid Gomes e o Ministro mantiveram audiência.

 

A Conferência acontecerá no período de 4 a 7 de fevereiro, no Centro de Eventos do Ceará (CEC). De acordo com o ministro Marco Raupp, o Estado foi selecionado como a melhor alternativa para realizar o evento, após uma avaliação das diversas opções de localização. O Governo do Estado será um dos financiadores do evento, juntamente com Governo Federal e Organização das Nações Unidas. O custo total pago pela ONU será de cerca de US$ 2 milhões. Já o Governo Federal vai contribuir com US$ 600 mil, a serem cobertos pelo MCTI, Ministério do Meio Ambiente e Ministério da Integração. O Governo do Ceará irá fornecer o espaço do Centro de Eventos, além de cobrir as despesas de transportes locais, segurança, equipamentos e instalações no local do evento, o que dá uma estimativa de R$ 400 mil.

 

Durante o lançamento da Conferência, a Empresa de Tecnologia e Informação do Ceará (Etice) firmou  convênio com a Rede Nacional de Pesquisa (RNP) para conexão de todas as instituições públicas de ensino superior do interior do Estado ao Cinturão Digital do Ceará (CDC). A RNP ampliará a capacidade de transmissão do CDC e estenderá os enlaces de fibra ópticas e rádio até os campi das instituições. As universidades federais, estaduais e o Instituto Federal de Ensino Tecnológico serão beneficiadas.

 

Ao todo serão conectados 50 novos pontos com banda larga de 100 a 1.000 Mbps. O convênio prevê também o compartilhamento de infraestrutura de fibras ópticas na Capital, ampliando o alcance da rede Gigafor. A RNP realiza investimento da ordem de R$ 11 Milhões em equipamentos de transporte de dados (DWDM), comutadores (switches), rádios digitais (Wimax) e instalação de novos cabos de fibras ópticas.

 

TecComitê organizador

Um decreto estadual constituirá o Gabinete de Gestão e Organização da Conferência, formado por órgãos relacionados ao tema – sob a coordenação da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), responsável pela organização local do evento. A organização científica ficará a cargo da ONU. Estão envolvidos na organização da Conferência ainda MCTI, Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) – Organização Social vinculada ao MCTI, e Nações Unidas.

 

Uma missão da ONU virá ao Ceará em setembro, com objetivo de acertar detalhes e colher subsídios com vistas à preparação do Acordo de Sede entre Nações Unidas e Governo Brasileiro.

 

Submissão de trabalhos

O foco temático da Conferência será “Avaliação econômica da desertificação, da gestão sustentável da terra e da resiliência de zonas áridas, semiáridas e sub-úmidas secas”. Os interessados em apresentar trabalhos científicos dentro da UNCCD têm até o dia 31 de agosto para submeter seus projetos. O site para envio dos resumos é o http://2sc.unccd.int.

 

A Conferência será estruturada em torno dos dois temas: “Impactos econômicos e sociais da desertificação, da degradação do solo e da seca” e “Custos e benefícios das políticas e práticas abordando a desertificação, a degradação da terra e a seca”.

 

De acordo com o conselheiro do CGEE, Antônio Rocha Magalhães, o tema a ser tratado na Conferência é de suma importância, visto que as terras secas correspondem a 40% das terras do planeta. “Dos 194 países existentes, a desertificação atinge cerca de 100, incluindo o Brasil”.

 

O evento trará grande contribuição ao Ceará, visto como referência nos estudos sobre Desertificação. Será uma oportunidade para o Estado consolidar uma posição de liderança em Ciência na América Latina.

 

23.08.2012

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br – 85 3466.4898