Nívia, cearense transplantada, recebe homenagem em Brasília

27 de setembro de 2012

Se você deseja ser um doador, avise sua família. Essa é a mensagem da nova campanha para estimular a doação voluntária de órgãos no País, lançada pelo Ministério da Saúde nesta quinta-feira (27), Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos. Com o slogan “Seja um doador de órgãos. Seja um doador de vidas.” e protagonizada pelo ator José de Abreu, a campanha tem a participação especial da cearense transplantada de coração há 8 anos, Nívia Maria Castro Alves, de 12 anos. Durante a solenidade de lançamento da campanha, Nívia foi homenageada com uma placa entregue pelo ministro Alexandre Padilha. Ela aparece na capa do folder da campanha. Além de 500 mil folderes que circularão por todo o país para mobilizar mais a população para a decisão de doar órgãos e tecidos, a campanha distribuirá 200 mil cartazes. Anúncios em jornal e revista, outdoors, peças para internet e redes sociais (Facebook, Orkut, YouTube), completam a campanha.

 

A história da vida de Nívia motivou a Secretaria da Saúde do Estado a focar nos jovens a comemoração do Dia Nacional de Doação de Órgãos. Alunos da Escola Estadual de Ensino Profissional Marvin, do Pirambu, e bolsistas do Núcleo de Iniciação Profissional Primeiro Passo formaram o público do aulão sobre doação de órgãos e tecidos, iniciado pelo secretário Arruda Bastos, que mostrou a liderança do Ceará em doações e transplantes. A coordenadora da Central de Transplantes, Eliana Barbosa, por mais de 1 hora informou os jovens sobre a doação, fundamental para a consolidação de uma cultura de solidariedade que ajude a aumentar ainda mais os transplantes de órgãos e tecidos e a salvar vidas. Pesquisas já identificaram que os adolescentes valorizam a concepção de que podem salvar vidas, consideram a doação necessária, querem contribuir, mas o conhecimento sobre o processo de doação e transplante ainda é insuficiente.

 

Também para marcar do Dia Nacional de Doação de Órgãos, o secretário Arruda Bastos inaugurou as novas instalações da Central de Transplantes, Bloco E da Sesa, Avenida Almirante Barroso, 600, Praia de Iracema. A nova estrutura, mais ampla e com 12 salas, oferece melhores condições de trabalho. Na estrutura organizacional da Secretaria da Saúde do Estado, a Central de Transplantes faz parte da Coordenadoria de Regulação, Controle, Avaliação e Auditoria (Corac). Toda a Corac, que inclui também a Central de Regulação do SUS e os núcleos de Informação e Controle de Serviços de Saúde (NUICS) e o Núcleo de Auditoria e Gestão do SUS (NUAUD). Toda a Corac ganhou novas instalações.

 

Até a quarta-feira, 26 de setembro, o Ceará havia realizado 893 transplantes em 2012, total que já supera os recordes dos anos de 2007, 2008,2009 e 2010. Em 2011 foram realizados no Estado 1.295 transplantes. No primeiro semestre deste ano, o Ceará assumiu o segundo lugar do país na efetivação de doações de órgãos e tecidos. De 17,5 doações efetivas por milhão da população registradas em 2011, o Ceará pulou para 20,8 doações efetivas, atrás apenas de Santa Catarina, que registrou 25,4 doações efetivas por milhão da população, de acordo com o Registro Brasileiro de Transplantes (RBT). O Ceará também comemora a liderança no ranking nacional de transplantes por milhão da população em diferentes órgãos. O Estado ficou em primeiro lugar no país em transplantes de fígado, em segundo de coração e em terceiro de pulmão.

 

Em 2012 foram adotadas diversas medidas na área de transplantes no Brasil. Uma delas foi a parceria com o Facebook, com criação da funcionalidade que permite que o usuário da mídia no Brasil se declarar doador de órgãos. Somente no primeiro mês após o lançamento da parceria entre o Ministério da Saúde e o Facebook, mais de 80 mil pessoas se declararam doadoras. Lançada no dia 30 de julho, a funcionalidade permite que os usuários da rede social no Brasil – cerca de 40 milhões de pessoas – possam compartilhar esta decisão com amigos e parentes. Para expressar no Facebook o desejo de ser um doador de órgãos, basta ir à Linha do Tempo e clicar em “Evento Cotidiano”. Depois é preciso selecionar a opção saúde e bem-estar e clicar em doador de órgãos.

27.09.2012

 

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira/ Marcus Sá (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 / 3101.5221 / 8733.8213)
Twitter: @SaudeCeara