Eixão das Águas: Trecho IV beneficiará Região Metropolitana de Fortaleza

2 de outubro de 2012

O governador Cid Gomes e o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, inauguram nesta quarta-feira (03), às 14 horas, em Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), o Trecho IV do Eixão das Águas. Além do atendimento das demandas hídricas humanas e industriais da RMF, o trecho beneficiará diretamente a população dos municípios de Cascavel, Pacajus, Horizonte, Itaitinga e Pacatuba situados ao longo do trecho, e também permitirá o reforço da alimentação dos projetos de irrigação existentes ou previstos ao longo do traçado do Eixão.

 

Foram investidos no trecho IV, cerca de R$ 195 milhões, onde o Governo Federal participa,  através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), com cerca de R$ 148 milhões, e R$ 47 milhões pelo Governo do Estado, na forma de contrapartida. O Trecho IV é composto por cerca de 33,88 km de canais abertos, 2,9 km sifões, 1.075 metros de túneis e um aqueduto de 110 metros que passa
sobre o Canal do Trabalhador. Essa etapa complementa os trechos 1, 2 e 3 do Eixão das Águas (o maior eixo de transferência de águas por gravidade) passa pelos municípios de Pacajus, Cascavel, Horizonte, Itaitinga e Pacatuba, que integram a Região Metropolitana de Fortaleza e onde se situa o sistema responsável pelo abastecimento de água da capital cearense, compostos pelos reservatórios Pacajus, Riachão, Pacoti e Gavião.

 

Ele está dividido em três sub-trechos:

 

·  Sub-Trecho 4.1


Apresenta uma extensão total de 27,51 km, iniciando-se com um aqueduto de 109,70 m executado para toda a vazão, que transpõe o Canal do Trabalhador próximo ao seu deságüe no Açude do Pacajus. No final desse aqueduto inicia-se o Sifão 1, construído sob o Rio Choró, com extensão total de 2.658,79m fim do qual inicia-se o canal, com extensão total de 24.619,36 m, que finaliza no Açude do Pacoti, sendo ponteado por três pequenos sifões: o sifão 2 (60,00m), sifão 3(70,00m) e sifão 4 (130,00m), que transpõem respectivamente à Avenida Lúcio Menezes, BR-116 e Canal do Ererê.

 

·  Sub-Trecho 4.2


Esse sub-trecho consiste em um canal com extensão de 0,800 km executado paralelamente ao canal existente que interliga os açudes Pacoti e Riachão quando o nível d’água neles é reduzido, de forma a permitir o escoamento de um para o outro.

 

·  Sub-Trecho 4.3


Apresenta uma extensão total de 5,580 km, que interliga os açudes do Riachão e Gavião. Inicia-se com um túnel de 1.300m de extensão, paralelamente ao túnel existente e seguido por um trecho em canal, também paralelo ao existente, com extensão de 4.505m. Os trechos de canal são todos de seção hidráulica trapezoidal com seções tipos dependendo da implantação se em corte, ou aterro. A estanqueidade do canal é assegurada por uma manta em PVC protegida por uma laje de concreto não armado de reduzida espessura.

 

Eixão das Águas

 

O Eixão é um conjunto de obras composto por uma estação de bombeamento, canais, adutoras, sifões, e túnel que realiza a transposição das águas do Açude Castanhão para a Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), reforçando o abastecimento, numa extensão de 255 km, inclusive na RMF e Complexo Industrial do Pecém, fazendo a integração das bacias hidrográficas do Vale do Jaguaribe e da Região Metropolitana, beneficiando uma população de aproximadamente quatro milhões de habitantes.

 

O Eixão possibilita o surgimento de polos de desenvolvimento hidroagrícola nas áreas irrigáveis a partir do Vale do Jaguaribe, beneficiando milhares de hectares e terras férteis, além de garantir o abastecimento humano da Região Metropolitana de Fortaleza, por pelo menos 30 anos, bem como todas as comunidades dos municípios de Alto Santo, Jaguaribara, Morada Nova, Ibicuitinga, Russas, Ocara, Cascavel, Pacajus, Horizonte, Itaitinga, Pacatuba, Maranguape, Maracanaú, Caucaia, e São Gonçalo do Amarante.

 

A vazão máxima de dimensionamento é de 22 metros cúbicos dos quais 19 metros cúbicos destinam-se ao abastecimento da Região Metropolitana de Fortaleza, incluindo-se o Complexo Industrial e Portuário do Pecém. Com um investimento total de mais de R$ 1 bilhão, o Eixão tem cinco trechos, com 255 km de extensão:

 

eixo_mapa

 

1. trecho 1 – Açude Castanhão ao Açude Curral Velho – já inaugurado
2. trecho 2 – Açude Curral Velho à Serra do Felix – já inaugurado
3. trecho 3 – Serra do Felix ao Açude Pacajus – já inaugurado
4. trecho 4 – Açude Pacajus aos Açude Gavião – inauguração em 03/10/2012
5. trecho 5 – Açude Gavião ao Porto do Pecém – em conclusão

 

Serviço:

Inauguração do Trecho IV do Eixão das Águas

Data: 03.10.2012

Local: BR-116 – Depois da 1º Entrada de Pacajus (Placas informarão o local)

Horário: 14 horas

 

02.10.2012

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado com Informações da SDH/Cogerh

Casa Civil (comunicacao@casacivil.ce.gov.br / 85 3466.4898)