Castelão: Mascote da Copa do Mundo chega ao grande palco dos jogos

15 de outubro de 2012

A movimentação intensa na Avenida Alberto Craveiro, em frente ao Estádio Plácido Aderaldo Castelo, Castelão, ganhou um colorido especial. A área verde que recepciona quem chega ao Edifício Fares Cândido Lopes, da etapa I, agora abriga a Mascote da Copa Do Mundo da FIFA Brasil 2014(TM), tatu-bola. Uma réplica gigante com 7m de altura e 5m de largura vai permanecer no local pelos próximos 30 dias. De acordo com o secretário Especial da Copa 2014, Ferruccio Feitosa, a Mascote oficial é uma peça importante no trabalho de divulgação do mundial. “O Tatu-bola é um mascote simpático, que já encantou todos. Carrega ainda uma mensagem forte da sustentabilidade ambiental”, reforça.

 

Lançado oficialmente pela FIFA em setembro, o tatu-bola marca “presença” em Fortaleza em uma ação da Coca-Cola, patrocinadora oficial da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014(TM). Na madrugada desta segunda-feira (15), a toca se abriu e o tatu-bola foi revelado, chamando a atenção de todos os frequentadores da área, principalmente das crianças. A empresa patrocinadora também incluiu na agenda da Mascote a promoção dos três legados-chave que a companhia trabalhará até 2014: comunidades, reciclagem e vida ativa. “Queremos uma Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 (TM) inclusive com participação de todos os brasileiros. Essa será a contribuição social da Coca-Cola para a maior festa do futebol mundial”, afirma Michel Davidovich, vice-presidente e gerente geral da Coca-Cola para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 (TM).

 

Saiba Mais

 

Com nome científico de Tolypeutes tricinctus, a espécie tatu-bola é exclusiva do Brasil e não ocorre em nenhum outro local. É típico da caatinga e de áreas de cerrado próximas à caatinga. Atualmente, pode ser encontrado em oito estados brasileiros: Ceará, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Bahia, Goiás e Tocantins. Segundo a classificação utilizada pela União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN, na sigla em inglês), o tatu-bola está na categoria “vulnerável”, ou seja, corre alto risco de extinção na natureza em médio prazo.

 

Escolha o nome da Mascote

 

Até meados de novembro todos podem votar e decidir se o nome do tatu-bola será Amijubi, uma representação de simpatia e alegria, Fuleco ou Zuzeco, dois nomes com mensagem ecológica. Todos podem votar e eleger um dos nomes sugeridos pela FIFA.

 

Para informações adicionais sobre a mascote oficial e para votar na escolha do nome, acesse www.fifa.com/mascote

 

Castelo_Mascote2

 

15.10.2012

Coordenadoria de Comunicação da Secretaria Especial da Copa 2014

Lisiane Linhares, Ana Martins e Sabrina Lima (imprensa@secopa.ce.gov.br / 85 3264.5359)

 

Assessoria de Imprensa da Coca-Cola Norsa

Joseane Oliveira (jroliveira@norsa.com.br / 85 3266.6328)