Estimativa do Ipece para crescimento do PIB cearense é confirmada pelo IBGE

28 de novembro de 2012

A participação do Produto Interno Bruto (PIB) do Ceará – a preço de mercado – passou de 1,89% para 2,07% em relação ao PIB nacional no período de 2007 a 2010.  O resultado representa uma evolução de 42,51% para 46,63% em comparação do PIB brasileiro, em termos per capita. Os números do PIB cearense confirmam as estimativas feitas pelo Grupo de Conjuntura do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) – Órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) do Governo do Estado -, por intermédio da divulgação do PIB Trimestral, publicado em março de 2011.

 

Na época, o Ipece projetou um crescimento para a economia do Estado em 7,9% para 2010. O relatório de contas regionais do IBGE, que contempla os dados definitivos sobre a economia cearense, divulgado na última sexta-feira (23) revela que o PIB do Estado alcançou, em 2010, o montante de R$ 77,86 bilhões,  representando um crescimento da ordem de 7,96% sobre 2009, praticamente igual ao previsto. O resultado, além de ratificar a previsão do Instituto, mostra também que a economia cearense obteve desemprenho superior ao da economia brasileira.

 

A evolução da participação do PIB do Ceará, entre 2007 e 2010, também ocorreu em relação ao Nordeste. O Estado, em 2007, tinha uma participação de 14,47% e em 2010 passou apara 15,34%. A evolução do PIB per capita do Ceará no Nordeste foi ainda superior ao do nacional, passando de 91,11% em 2007 para 96,40% em 2010. O estudo completo sobre o PIB cearense – lançado na tarde desta quarta-feira (28) – já está disponibilizado na página www.ipece.ce.gov.br.

 

28.11.2012

Assessoria de Imprensa do Ipece

Pádua Martins (comunicacao@casacivil.ce.gov.br / 85 3101.3508)