Período de Carnaval deve movimentar R$ 164 milhões no Ceará

8 de Fevereiro de 2013

Os cinco dias de Carnaval devem gerar impactos de até R$ 164,7 milhões na economia cearense, sendo R$ 94,1 milhões de receita direta, um crescimento de 18,1% se comparado ao feriadão de 2012, quando foram gerados R$ 139,4 milhões de renda e R$ 79,7 milhões de receita.

 

 

 

 

 

 

Agregados do Turismo no Ceará via Fortalezano Período do Carnaval de 2013

 

Agregados Turísticos

Carnaval 2013

var
(%)

2012

2013

. Taxa de Ocupação Hoteleira (%)

89,6

91,4

2,0

. Demanda Hoteleira (Fortaleza)

45.761

52.014

13,7

. Demanda Turística via Fortaleza

83.202

92.882

11,6

. Receita Turística (R$ milhões)

79,7

94,1

18,1

. Renda Gerada (R$ milhões)

139,4

164,7

18,1

SETUR/CE

 

Nota: a) Período estimado (08 a 14 de fevereiro de 2013); b)Receita Turística obtida pelo produto entre demanda turística e o gasto percapita; e c) Renda gerada obtida pelo produto entre a receita turística e o multiplicador dos gastos turísticos no valor de 1,75.

 

Boa parte deste montante virá dos cerca de 93 mil turistas que virão ao Ceará via Fortaleza, segundo estimativas do departamento de Estudos e Pesquisas Secretaria do Turismo (Setur).

 

Este fluxo é 11,6% superior ao registrado no mesmo período do ano passado. Destes, 52.014 devem utilizar a rede hoteleira de Fortaleza, gerando um acréscimo na demanda hoteleira de 13,7% e fazendo a ocupação chegar a 91,4%.

 

A distribuição da ocupação vai ser maior em hotéis (94,4%), seguidos por flats (91,4%), Pousadas (75,3%) e albergues (66,3%). A pesquisa identificou, ainda, que na grande maioria dos hotéis, as taxas de ocupação chegam a 100%.

 

O secretário do Turismo, Bismarck Maia, lembrou que em recente levantamento do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur), a capital cearense foi apontada como o quinto destino mais procurado do País, atrás apenas de Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Recife.

 

Para Bismarck, “a cada ano Fortaleza se consagra como uma opção muito atrativa para o carnaval, quando as pessoas usufruem de todas os atrativos da cidade sem os tumultos de blocos de rua e trios elétricos”. “E mesmo assim, temos uma extensa programação cultural, são os grandes diferenciais que não tínhamos há 10 anos, por exemplo; e muita folia nos destinos litorâneos e festivais de música tanto na Ibiapaba, quanto no Maciço de Baturité”, completa.

 

Jeri lidera preferência no interior

 

Jericoacoara lidera a preferência dos visitantes que não vão ficar todos os dias na capital, com 90,9% da preferência, seguida por Porto das Dunas (89,6%), Canoa Quebrada (88,1%), Cumbuco (84,8%) e Praia das Fontes/Morro Branco (84,0%).

 

Taxa de Ocupação Hoteleira de Fortalezae principais destinos

 

Categoria

(%)

Fortaleza (média)

91,4

. Hotéis

94,4

. Flats

91,4

. Pousadas

75,3

. Albergues

66,3

Principais Destinos

87,3

. Canoa Quebrada

88,1

. Cumbuco

84,8

. Jijoca de Jericoacoara

90,9

. Porto das Dunas/Prainha

89,6

. Praia das Fontes/Morro Branco

84,0

Fonte: SETUR/CE: Pesquisa direta (Posição em 07/02/2012)

 

 

08.02.3013

Assessoria de Imprensa da Setur

Carmen Walraven / Tunay Peixoto (tunay.peixoto@gmail.com / 85 3101.4661)