Volume acumulado nos reservatórios cearenses é de 8 bilhões de metros cúbicos

14 de Fevereiro de 2013

Dos 139 açudes monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), em parceria com o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), 70 apresentam volume abaixo de 30%. Atualmente o único reservatório que acumula um volume acima de 90% é o açude Gavião, reservatório que atualmente está com 31 milhões de m3 de água, o que representa 93% da sua capacidade total.

 

Entre os reservatórios que apresentam o volume abaixo de 30% estão o Broco (5%), localizado no município de Tauá, Cipoada (6%), no município de Morada Nova, Pirabibu (3%), localizado no município de Quixeramobim, Souza (8%), reservatório do município de Canindé, Potiretama (8%), localizado no município de Potiretama, e Quixabinha (3%), localizado no município de Mauriti.

 

De janeiro de 2012 a fevereiro deste ano o volume acumulado no Estado caiu cerca de 25%. No início de 2012 o volume era de 70,93%. Atualmente o volume acumulado é de 45,86%. No entanto, apesar do grave período de estiagem que atinge todo o estado do Ceará, considerado um dos piores dos últimos 40 anos, o volume acumulado nos reservatórios cearenses é de 8 bilhões de metros cúbicos de água, quantidade considerada aceitável pelos técnicos da Companhia diante do quadro de estiagem que afeta o Ceará.

 

Além disso, em busca de minimizar os efeitos da estiagem, o Governo do Estado do Ceará, por intermédio da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), da Secretaria das Cidades, da Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH), da Superintendência de Obras Hidráulicas e da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), investirá cerca de R$ 6 bilhões em ações que visam combater os efeitos da seca, dentre as quais estão a construção de adutoras, cisternas de placas e a recuperação de poços artesianos.

 

Além das novas ações no combate à estiagem, os investimentos realizados pelo Governo do Estado do Ceará em infraestrutura hídrica nos últimos anos, como é o caso do Eixão das Águas, que teve o trecho IV inaugurado recentemente pelo governador Cid Gomes, garantem a segurança hídrica necessária ao consumo humano, industrial e de outros usos.

 

Maiores informações: www.cogerh.com.br ou http://www.hidro.ce.gov.br/ (Portal Hidrológico do Estado do Ceará)

 

14.02.2013

Assessoria de Comunicação da Cogerh

Leonardo Meireles (leonardo.meireles@cogerh.com.br / 85 3218.7024 – 3218.7025)

Twitter: @Cogerh_ce

Facebook:https://www.facebook.com/cogerh