Números de acidentes e vítimas caem durante a Semana Santa

1 de Abril de 2013

O número de acidentes e óbitos nas estradas cearenses caiu no feriado da Semana Santa deste ano em comparação com igual período do ano passado. Foram registrados 35 acidentes nas rodovias estaduais contra 94 no ano passado, numa redução de 62,77%. O número de óbitos também apresentou redução, baixando de oito para cinco, numa queda de 37,5%. Já o número de pessoas feridas em acidentes caiu pela metade. Em 2012, foram 40 pessoas lesionadas em acidentes nas estradas, contra 20 neste ano.    As informações são do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRE), que realizou operação de reforço nas fiscalizações das estradas das 14 horas do dia 28 até a 0 hora desta segunda-feira (01.04).

 

“Acredito que a redução se deveu pelo maior rigor da Lei Seca como também ao reforço no número de blitze que montamos nas estradas durante o feriado”, afirmou o Cel. Tulio Studart, comandante do BPRE. Segundo ele, foram mais de 130 blitze por dia nas rodovias. A PRE abordou no período 13.456 veículos, realizou 2.017 notificações, três TCOs, 4 BOs e 34 flagrantes. Os agentes da PRE também apreenderam 392 veículos (por diversas irregularidades) e seis armas de fogo durante as operações no feriado.

 

Lei Seca

O número de autuações pela Lei Seca aumentou durante os quatro dias do feriado em comparação com 2012. Foram autuados 186 motoristas (aumento de 67,57%) sendo 29 presos por se enquadrarem no crime de trânsito. Pela nova lei,  o motorista que tiver 0,05 miligrama de álcool por litro de ar estará cometendo infração gravíssima e receberá multa de quase R$ 2 mil. Se for detectado 0,34 miligrama de álcool por litro de ar, a infração é considerada crime e, além da multa, o motorista pode pegar de seis a três anos de prisão. Em 2012, 111 motoristas foram autuados na Lei Seca, sendo 16 presos.

 

01.04.2013

 

Assessoria de Comunicação da ASCOM/SSPDS
Henrique Silvestre / Leonardo Heffer

85 – 3101-6517 / 6518 / 6519
Twitter: @sspdsce

Números de acidentes e vítimas caem durante a Semana Santa