Oficina atualiza médicos no tratamento da Doença de Chagas

4 de junho de 2013

Médicos que atuam na rede de atenção primária e secundária de todas as regiões de saúde do Ceará, além daqueles já habilitados a acompanhar pacientes com Doença de Chagas, participam nesta quarta-feira (05), da Oficina de Atualização no Diagnóstico e Tratamento da Doença de Chagas, realizada pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa). Com o objetivo de aprofundar os conhecimentos dos médicos sobre o diagnóstico e manejo clínico dos pacientes, a oficina será realizada no Hotel Mareiro (Avenida Beira Mar, 2380 – Meireles), das 08 horas às 18 horas, com discussões sobre aspectos clínicos e epidemiológicos da Doença de Chagas, a importância da rede de laboratórios na vigilância do agravo, entre outros temas.

 

A doença de Chagas é uma infecção causada pelo Trypanossoma cruzi. A principal causa da doença no Brasil é a transmissão vetorial. O barbeiro, após picar a pessoa, deposita sobre a pele as fezes infectadas com o protozoário, que pode penetrar na corrente sanguínea. Em 2006 foi registrado no Ceará surto da doença de Chagas no município de Redenção, com oito casos identificados por transmissão oral, pela ingestão de alimento infectado. O último caso no Ceará foi registrado em Sobral, em 2008, por transmissão vetorial.

 

Histórico da doença

 

No período 1959-1979, o médico Joaquim Eduardo de Alencar realizou diversas pesquisas sobre a prevalência da infecção e distribuição dos triatomíneos no Estado, definindo diferentes tipos de microrregiões em relação à doença de Chagas. O ciclo de manutenção da transmissão da infecção chagásica no Estado do Ceará foi definido por Alencar.

 

O Programa de Controle da Doença de Chagas (PDCh) foi implantado no Estado do Ceara, em 1975. Os municípios tiveram acompanhamento de captura de triatomineos, inicialmente através de um Levantamento Triatominico seguido por virias Avaliações em ciclos periódicos entre os anos de 1975 a 2002.

 

04.06.2013

Assessoria de Comunicação da Sesa

Selma Oliveira / Marcus Sá (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 / 3101.5221)

Twitter: @SaudeCeara

www.facebook.com/SaudeCeara