Doação: Hemoce recebe 234 doações de sangue em 2 dias de Festival Halleluya

19 de julho de 2013

Nos dois primeiros dias do Festival Halleluya, quarta-feira (17), e quinta-feira (18), o  Hemoce recebeu 234 doações de sangue, reforçando o estoque que registra período de baixa e de preocupação em atender as necessidades dos hospitais e agências transfusionais. O dia esperado como sendo o de maior doadores é o sábado, 20 de julho. Para acolher e receber com mais conforto os doadores, o Hemoce, que pertence a Secretaria da Saúde do Estado, ampliou o espaço no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), no bairro Castelão, onde ocorre o Halleluya. A coleta de sangue no CEU é feita das 19 até a zero hora, no estande com acesso ao lado da entrada principal do evento, pela Avenida Dedé Brasil. Além da doação de sangue, o Hemoce espera fazer 400 cadastros de medula óssea, superando os números do ano passado, quando foram 242 cadastros de medula.

 

A orientação para quem vai fazer doação é levar documento com foto. É preciso também estar bem alimentado. A dica é fazer normalmente as três refeições do dia – café da manhã, almoço e jantar – e um lanche entre as refeições. Adolescentes e jovens que pretendem fazer doações não devem descuidar da boa alimentação. Para doar sangue, além de bem alimentado é necessário estar saudável, ter entre 16 e 67 anos e possuir mais de 50 kg. Os menores de idade, porém, só podem doar com o consentimento do responsável legal. O termo de consentimento, disponível em toda a hemorrede estadual e no site www.hemoce.ce.gov.br, deve ser preenchido e assinado pelo candidato à doação e por seu responsável legal, e anexada uma cópia de documento oficial com foto do representante legal.

 

Pela 11ª vez o Hemoce participa do Halleluya, que está na 16ª edição. Do início da parceria, em 2003, até o ano passado, mais de cinco mil voluntários doaram sangue e mais de três mil se cadastraram como possíveis doadores de medula óssea durante a realização do festival. As coletas durante o Halleluya vão ajudar a recompor o estoque de sangue do Hemoce, que diminui no mês de julho, pela redução de doações durante as férias. Além disso, houve aumento da demanda por hemoderivados durante a realização da Copa das Confederações, em junho, quando também houve redução das doações por conta dos feriados.

 

No estande montado no Condomínio Espiritual Uirapuru, o Hemoce receberá doações tanto de quem vai participar do Halleluya quanto das pessoas que residem ou trabalham no entorno do CEU e querem somente doar, mas não participar do evento. As coletas continuam no hemocentro coordenador, Avenida José Bastos, 3390, Rodolfo Teófilo, de segunda a sexta-feira, de 7h30min às 18h30min, e aos sábados, das 8 às 16 horas. O Posto de Coleta no Instituto Doutor José Frota (IJF) recebe doações de segunda a sexta-feira, de 7h30min às 18h30min, e aos sábados, domingos e feriados, de 13 horas às 17h30min.

 

O Hemoce, com as suas unidades de Fortaleza e do interior do Estado – Crato, Iguatu, Juazeiro do Norte, Quixadá e Sobral –, é responsável por todos os serviços públicos de hemoterapia do Estado. Desde outubro do ano passado, atende toda a demanda de fornecimento de hemocomponentes em todo o território estadual, priorizando o atendimento à rede do SUS. O Hemoce assiste 167 hospitais públicos, 105 hospitais privados com leitos SUS contratados, 28 hospitais privados sem leitos SUS contratados e 64 Agências Transfusionais.

 

19.07.2013

 

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 / 3101.5221)
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara