Prevenção: teste rápido de HIV e sífilis neste sábado (20)

19 de julho de 2013

Profissionais da Secretaria da Saúde do Estado estarão neste sábado (20), das 8 horas às 13 horas, na Praça Murilo Borges, ainda conhecida como a Praça do BNB, para um serviço de prevenção e promoção da saúde. Realizarão o teste rápido de HIV e sífilis em consultórios fechados e climatizados. As pessoas poderão fazer, gratuitamente, o exame, que é feito a partir da coleta de sangue da ponta do dedo. O sangue é colocado em um dispositivo de testagem e o resultado sai em apenas 20 minutos. Se o resultado for negativo, o diagnóstico é fechado. Em caso de resultado positivo, é realizado outro teste para confirmação. Já o teste de triagem de sífilis dá o resultado em até 15 minutos. Na equipe de profissionais da Sesa estão enfermeiros, psicólogos e assistentes sociais para oferecer orientações pré e pós-teste, com distribuição de preservativos e folders.

 

O resultado do teste rápido tem a mesma confiabilidade dos exames convencionais e não há necessidade de repetição em laboratório. O teste de aids não deve ser feito de forma indiscriminada e a todo o momento. O aconselhável é que quem tenha passado por uma situação de risco, como ter feito sexo desprotegido, faça o exame. Após a infecção pelo HIV, o sistema imunológico demora cerca de um mês para produzir anticorpos em quantidade suficiente para serem detectados pelo teste. Por conta disso, é melhor fazer o exame após esse período. Na última mobilização realizada pela Secretaria da Saúde do Estado, dia 11 de maio, na Praça José de Alencar, 80 pessoas fizeram o teste rápido.

 

Para mais segurança, tire suas dúvidas antes de fazer os testes:
   
Qual a importância de fazer o teste?

Se o resultado de algum dos testes for positivo, é importante que você saiba o quanto antes. Assim, você inicia o tratamento na hora certa, o que pode lhe trazer mais qualidade de vida.

Em caso de gravidez, é possível prevenir a infecção do bebê por meio de acompanhamento e tratamento adequados.

O serviço público de saúde oferece a assistência integral e gratuita. É importante saber que a aids tem tratamento e que a sífilis tem cura.

Quem deve fazer os testes de ainda e sífilis?

Os testes são indicados para qualquer pessoa que passou por alguma das seguintes situações de risco:

– manteve relações sexuais (oral, vaginal ou anal) sem uso de camisinha;

– teve alguma doença sexualmente transmissível (DST) ou tuberculose;

– compartilhou agulhas ou seringas.

 

Se você passou por uma dessas situações, procure orientação de imediato e faça o teste.

 

19.07.2013

 

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá
selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 / 3101.5221
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara