Primeira edição das Olimpíadas Penitenciárias começa nesta terça-feira (11)

10 de fevereiro de 2014

A partir desta terça-feira (11), as unidades prisionais da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) recebem a primeira edição das Olimpíadas Penitenciárias do Ceará. O torneio, promovido pela Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Sejus) por meio do Núcleo de Saúde (Nusau), mobilizará cerca de 500 privados de liberdade competindo em 11 modalidades esportivas. A competição segue até dia oito de maio e ocorrerá nas unidades da RMF que têm estrutura para receber os jogos.

 

As modalidades serão futebol de salão e society, voleibol, basquete, xadrez, tênis de mesa e carimba, este último especificamente para as internas do Instituto Penal Feminino Desembargadora Auri Moura Costa. Como explica o educador físico Aquiles Sobrinho, esportes como futebol e carimba já eram praticados pelos internos. Na preparação para o torneio, os educadores introduziram os novos esportes.

 

O objetivo das Olimpíadas é desenvolver o intercâmbio social e desportivo entre os atletas e incrementar as boas relações entre eles. “Destacamos a utilização do esporte como o instrumento essencial para preparar e fortalecer a formação do indivíduo e o desenvolvimento da sua personalidade para o convívio social dentro e fora dos muros”, comenta Sobrinho.

 

De acordo com Sobrinho, a ideia das Olimpíadas surgiu após a realização de um torneio de futebol society, em 2011. “Tivemos uma repercussão muito positiva, com grande envolvimento dos internos e dos seus familiares”, lembra o educador físico.

 

A Sejus conta com uma equipe de oito educadores físicos, cada um responsável pelas atividades em uma unidade prisional. A prática de exercícios físicos é uma das ferramentas utilizadas pela secretaria para melhorar a qualidade de vida dentro dos presídios e diminuir a tensão no cárcere.

 

Assessoria de Comunicação da Sejus

Bianca Felippsen (ascom.sejus@gmail.com / 85 3101.2862)

www.sejus.ce.gov.br
email: twitter:@sejus_ce
facebook: sejusceara