Lacen fará mutirões de exames de DNA em Fortaleza e Sobral

19 de novembro de 2014

A confirmação de paternidade na rede pública no Ceará é realizada pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), equipamneto ligado a Secretaria da Saúde (Sesa). O laboratório realiza mutirões de coleta na Capital e Interior, em parceria com as Varas de Família, o Ministério Público Estadual e a Defensoria Pública do Estado. Os próximos mutirões já estão agendados. No Lacen regional de Sobral, o atendimento acontecerá nestas quinta-feira (20) e sexta-feira (21), das 08 horas às 12 horas e das 14 horas às 17 horas. No sábado (22), a equipe do Laboratório estará na Prefeitura de Fortaleza, com atendimento das 08 horas às 16 horas.

 

O Lacen realiza testes de paternidade encaminhados pelas Varas de Família, Defensoria Pública do Estado, pelos Núcleos de Mediação e de Justiça Comunitária e ainda através dos Conselhos Tutelares. As coletas para os exames também são feitas no interior do Estado, na rede do Lacen no Crato, Icó, Juazeiro do Norte, Senador Pompeu e Tauá.

 

De janeiro de 2009, quando o serviço foi implantado na rede pública estadual, com a instalação do laboratório de biologia molecular no Lacen, até o último 31 de outubro deste ano, já foram realizados 18.663 testes de DNA. O serviço é 100% gratuito para as famílias. Até 2008, havia 3.500 famílias no Ceará aguardando há, pelo menos, cinco anos na fila a realização do exame de DNA para comprovação de paternidade. Nos seis primeiros meses de 2009 a fila ficou zerada. Somente este ano 2916 exames foram feitos. A fila se formava porque a procura era superior aos 50 exames disponibilizados por mês, através de convênio que a Sesa tinha com a Universidade Federal do Ceará. Hoje não há fila de espera.

 

19.11.2014

Assessoria de Imprensa do CIDH/IPC/Lacen

Suzana de Araújo Mont’Alverne (85 3101.1488 /9802.6980)