Dragão do Mar: Programação cultural de 15 a 21 de dezembro

12 de dezembro de 2014

Programação cultural da semana de 15 a 21 de dezembro

 

? Mostra Alumbramento [cinema]

 

Até 17 de dezembro, o Cinema do Dragão-Fundação Joaquim Nabuco continua exibindo a Mostra Alumbramento. Contemplado pelos Editais Culturais 2013, do Instituto Dragão do Mar, e realizada pela AguaBoa Cultural (produtora da Mostra de Cinema do Iguatu), o evento foi iniciado no dia 11 de novembro e até o fim deve exibir  35 filmes (15 inéditos na cidade), entre longas e curtas.

 

Sempre com um bate-papo após a projeção, os filmes estão divididos em sessões de caráter retrospectivo, inéditos, filmes convidados, uma sessão surpresa e a exibição de filmes diários feitos por Ivo Lopes Araújo. Além da programação no cinema teremos debates com especialistas e encontros com os realizadores para conversar sobre produção e novas formas de realização.

 

Cineastas de outros estados participarão da mostra com filmes em que integrantes do Alumbramento trabalharam como técnicos, como o ainda inédito na cidade, Brasil s/a, do pernambucano Marcelo Pedroso; Girimunho, de Clarissa Campolina e Helvécio Marins; O Uivo da Gaita, de Bruno Safadi; Sem Coração, de Tião e Nara Normande; e Sobre Abismo, de André Brasil. Outro convidado para mostra é o pesquisador e professor do Rio de Janeiro Hernani Heffner, que participará de um debate junto com o realizador e professor local Alexandre Veras para discutir formação, novas formas de distribuição, preservação e políticas públicas, pensando na produção independente atual no cinema brasileiro.

 

Dentre os filmes produzidos pela produtora cearense Alumbramento, se destacam a primeira exibição na cidade dos filmes Com Os Punhos Cerrados (que estreou no Festival de Locarno desse ano), A Misteriosa Morte de Pérola (ganhou prêmio de melhor filme do júri da crítica no Janela Internacional de Recife), O Rio nos Pertence (Rotterdam) e O Fim de Uma Era (Festival do Rio).

 

Durante a mostra retrospectiva, o público vai poder acompanhar filmes importantes na trajetória da produtora como: Estrada Para Ythaca, Sábado à Noite, Os Monstros, Linz, Praia do Futuro(2008) e Doce Amianto.

 

A Mostra Alumbramento tem parceria com a Vila das Artes e apoio do Hotel Sonata.

 

Sobre a Alumbramento

 

A produtora Alumbramento surgiu no ano de 2006, reunindo um grupo de jovens artistas em Fortaleza que compartilhavam o desejo de produzir arte em diálogo com as mais diversas linguagens e colocar como questão central a produção criativa de imagens no cinema e nas artes visuais. Nesses oito anos de trajetória, a Alumbramento produziu mais de 30 curtas e 12 longas, envolvendo várias parcerias e ajudando a consolidar o Ceará como um dos estados mais produtivos no cenário atual do cinema brasileiro.

 

Mostras como essa, reunindo o trabalho da Alumbramento, já aconteceram no Peru, na Cinemateca Francesa e em Belo Horizonte. Essa é a primeira vez que o trabalho da produtora será exibido de forma conjunta na cidade de Fortaleza, sede do grupo e cenário inspirador de vários filmes da produtora.

 

Programação Mostra Alumbramento:

 

Segunda – 15/12
Programação na Vila das Artes:
14:00  // Auditório: Encontro entre realizadores – os filmes que os diretores desejam fazer e o cinema que desejam ver.
19:00 // Casa do Barão: Mesa com Alexandre Veras e Hernani Heffner – Cinema Brasileiro Contemporâneo: da formação a preservação

 

Terça – 16/12
15:30 // Sessão Retrospectiva Alumbramento – Flash Happy Society de Guto Parente e Os Monstros de Guto Parente, Ricardo Pretti, Pedro Diógenes e Luiz Pretti.
17:00 // Sessão Retrospectiva/Convidado: Praia do Futuro – Um filme em episódios (2008) direção coletiva. Debate com Hugo Pierot.
19:30 Sessão Estreia Alumbramento – A Misteriosa Morte de Pérola de Guto Parente e Ticiana Augusto Lima – debate com o realizador após a sessão.

 

Quarta – 17/12
 
15:30 // Sessão Retrospectiva Alumbramento – Às vezes é mais importante lavar a pia do que a louça (sabiaguaba) dos Irmãos Pretti e Linz de Alexandre Veras
17:00 // Sessão Convidado – Girimunho de Clarissa Campolina e Helvécio Marins – debate com a realizadora após a sessão.
19:30 Encerramento – Sessão Surpresa.

 

* durante os dias da mostra ficará em cartaz no site www.alumbramento.com.br os curtas FILME SELVAGEM de Pedro Diogenes e OS ÚLTIMOS RAIOS DE SOL de Luiz Pretti.

 

+ De 11 a 17 de dezembro, no no Cinema do Dragão-Fundação Joaquim Nabuco.
Ingressos: R$ 2 (inteira) e R$ 1 (meia)

 

Contato: Cesar Teixeira (9955-0986 / cesarcine13@gmail.com)

 

 

? Escola de Artes e Ofícios abre, esta quinta-feira (18), a exposição “Jacarecanga – Histórias e Memórias de uma Bela Época”

 

Partindo dos fragmentos das narrativas de quem nasceu e cresceu no bairro, a exposição “Jacarecanga – Histórias e Memórias de uma Bela Época” apresenta as histórias do cotidiano dos antigos moradores do bairro que, em meados do século XX, era sinônimo da nobreza de Fortaleza. A mostra transforma a Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho (EAOTPS) – um dos prédios símbolos do lugar – em um ambiente expográfico e abre-se à visitação na próxima quinta-feira, dia 18, às 18h.

 

“Transformando os seus espaços de convivências em um espaço expográfico, a Escola de Artes e Ofícios assume o desafio de atravessar o tempo ao reaver as imagens, contar as histórias e reverenciar as memórias dos guardiões do antigo bairro Fernandes Vieira, hoje Jacarecanga”, descreve Marley Uchoa, coordenadora da Escola.

 

A exposição Jacarecanga apresenta, com detalhes precisos, artefatos e adornos que remetem a meados do século XX, recriando um ambiente domiciliar de época na forma do seu antigo usufruto, singularmente representado pela corrente estilística do movimento Art Nouveau, no período da Belle Époque.

 

O bairro Jacarecanga, no centro da cidade, encontrava-se com esse momento. De ar aristocrático, possuía um conglomerado de magníficas moradias, com largas ruas e calçadas, pavimentadas de pedras toscas e frondosos e elegantes oitizeiros. Era o lugar das brincadeiras infantis nos fins da tarde na Praça do Liceu, das rodas de conversas e dos saraus adentrando a noite. 

 

“Esse era o cotidiano do bairro e dos antigos moradores, que, no decorrer dos anos, atravessou o tempo e dá testemunho da sua história. Essas narrativas sobrevivem não só nos fragmentos arquitetônicos que restaram como também nas lembranças dos que aqui construíram e realizaram os seus feitos”, destaca o curador da exposição, Antonio Vieira. Algumas dessas marcas silenciadas pelo “progresso” reúnem-se como num quebra-cabeças na exposição “Jacarecanga – Histórias e Memórias de uma Bela Época”.

 

SERVIÇO

Exposição “Jacarecanga – Histórias e Memórias de uma Bela Época”
Abertura: dia 18 de dezembro de 2014
Hora: 18h
Visitação nos demais dias: segunda à sexta, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30.
Onde: Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho (Av. Francisco Sá, 1801 – Jacarecanga)
Informações gerais: (85) 3238 1244

 

? Ver Hiems [dança]

 

Daniel Lessa Ballet apresenta o ballet Ver Hiems que recebe o título baseado na maneira primitiva de se dividir as estações do ano na antiguidade ocidental. Nos primórdios, “Ver” em latin designava o período quente e “Hiems” as estações de clima frio, sem a rígida preocupação das subdivisões que encontramos hoje. Com música de Antonio Vivaldi (1678-1741), o ballet segue um tratamento abstrato em sua composição coreográfica aliada à técnica clássica. No mesmo programa, será apresentado também o Grand Pas do Ballet Dom Quixote, baseado no original de Marius Petipa (1818-1910).

 

+ Dias 17 e 18, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia). Classificação livre.

 

Contato: Daniel Lessa (3032-7718 / 8736-9264 / dddlessa@hotmail.com)

 

? Fórum Harmônicas Brasil [festival de música]

 

Blues, rock, jazz, country, MPB, samba, tango, reggae, gospel, erudito, bossa nova, chorinho, xote, baião. Esses e muitos outros estilos podem ter o som da harmônica de boca – a popular gaita. O instrumento será a grande estrela musical de novembro em Fortaleza, com a nona edição do Fórum Harmônicas Brasil, no anfiteatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura de 19 a 21 de dezembro de 2014.

 

Cinco shows vão animar as três noites do Fórum Harmônicas Brasil 2013. As atrações são Raquel Ingredy (CE), Thiago Cerveira (SP), Di Lennon Ribeiro (CE), Marcelo Naves (SP) e Gabril Grossi (RJ).

 

O Fórum Harmônicas Brasil é o único evento com esse formato em todo o País e está nos calendários oficiais do Estado do Ceará e do Município de Fortaleza. E, entre as atividades, inclui cursos gratuitos para iniciantes e iniciados na gaita.

 

PARTICIPAÇÕES

 

Raquel Ingredy – Jovem, mulher, nordestina. Raquel Ingredy concilia o prazer de fazer música com o desafio de romper obstáculos. E tem dado mostras no cenário artístico de Fortaleza do quanto é possível alcançar com talento e empenho. Começou a brincar com gaitas aos 4 anos de idade, encantada pelo pai, o auditor Gabriel Vale, e hoje ostenta um currículo no qual expõe experiências com bandas como Remember Beatles e Luisinho Magalhães e com formações de forró, além com nomes como o pianista Felipe Adjafre e os saxofonistas João Sena e Ivanildo. Raquel não se limita a um só gênero, trabalhando repertório que vai de Luiz Gonzaga a Elvis Presley, de Caetano Veloso e Pixinguinha.

 

Thiago Cerveira – Gaistista e guitarrista, Thiago Cerveira já gravou com artistas como Belchior, Viper, Nuno Mindelis, Vega, Zuzo Moussawer, Pholhas, Babi e a legendária Double Trouble, banda que acompanhava o bluesman norte-americano Stevie Ray Vaughan. Desenvolve atualmente trabalho com trio de música instrumental, no qual toca os dois instrumentos simultaneamente, adaptando na gaita temas de jazz e música brasileira contemporânea, sendo um dos pioneiros no país na técnica de cromatismo na gaita diatônica. A execução simultânea da gaita e guitarra proporciona resultados harmônicos e melódicos muito peculiares, dado a interação que se dá entre eles no comando do músico.

 

Di Lennon Ribeiro – Gaitista, violista e arte-educador, Di Lennon Ribeiro é um parceiro de primeira hora do Fórum Harmônicas Brasil. Responde por ações didáticas do evento, tendo ministrado oficinas para crianças e adolescentes em diferentes edições do evento e em municípios como Eusébio e Cascavel. Também já dividiu palco com bandas locais, como De Blues em Quando, Blues Label e com gaitistas como Benevides Chireia Jr. (PR) e Robson Fernandes (SP). Atua também como luthier, assegurando serviços de qualidade em manutenção e preparação de gaitas, além de ministrar aulas particulares de harmônica diatônica e cromática.

 

Marcelo Naves – Representante da vertentes de músicos brasileiros que se dedicam a explorar a sonoridade do blues da região Mississippi, Marcelo Naves construiu um repertório que permite ao público uma autêntica turnê pelas origens do gênero norte-americano. E mais: mistura músicas próprias com clássicos de artistas referenciais, como Little Walter, Muddy Waters e Robert Johnson. O resultado tem sido muito aplaudido em “Conseguimos um bom equilíbrio entre nossas versões para os clássicos e o que normalmente estas músicas pede. Nosso trabalho tem sido bastante reconhecido e o CD, gravado ao vivo, captou a atmosfera de nosso show”, comemora Naves.

 

Gabriel Grossi – É considerado um dos maiores representantes da harmônica no mundo. Além de carreira solo, integra desde 2005 o Hamilton de Holanda Quinteto, conjunto vencedor do prêmio Tim 2007 e finalista do Grammy Latino por duas vezes consecutivas. Participou de turnês com o saudoso clarinetista Paulo Moura, com quem atuou de 2003 até seu falecimento, e das cantoras Zélia Duncan e Beth Carvalho, com as quais gravou CDs e DVDs. Seu disco de estréia, “Diz Que Fui Por Aí”, recebeu elogios pela concepção musical, composição e arranjos. O segundo, “Afinidade” (em duo com o violonista Marco Pereira), e o terceiro, “Arapuca”, também conquistaram crítica e o público, mostrando que é possível aliar a tradição da música instrumental com o gosto popular. Gabriel Grossi já soma oito discos lançados, além de gravações e shows com nomes como Hermeto Pascoal, Chico Buarque, Ivan Lins, Leila Pinheiro, João Donato, Dave Matthews, Guinga, Lenine, Djavan, Milton Nascimento, Dominguinhos, Maria Bethânia e Ney Matogrosso.

 

Programação

 

> Sexta, 19, a partir das 21h

 
– Di Lennon Ribeiro, com De Blues em Quando
 
– Marcelo Naves, com De Blues em Quando

 

> Sábado, 20, a partir das 21h
 
– Raquel Ingredy, com Miquéias dos Santos (baixo), Tito Freitas (teclado) e Enos Moura (bateria)
 
– Thiago Cerveira, com Miquéias dos Santos (baixo) e Enos Moura (bateria)

 

> Domingo, 21, a partir das 20h

 
– Ciro Rojo
 
– Gabriel Grossi, com Cainã Cavalcante (violão)

 

> Workshops
 
Sábado, 21, a partir das 9h
 
– Marcelo Naves – Gaita Chicago Blues
 
– Thiago Cerveira – Gaita no Jazz (overbends)

 

+ Dias 19 e 20, às 21h e dia 21, às 20h, no Anfiteatro. Acesso gratuito.

 

Contato: Roberto Maciel (8799-1697 / 3047-2178 / robertomaciel@gmail.com) / Luiz Carlos de Carvalho (9137-2667 / 3047-3993 /luizcarlosdecarvalho@gmail.com)

 

 

? Tessituras: uma composição para Balanchine [dança]

 

Estúdio Terpsícore – Direção: Júlia Cândida

 

Espetáculo com dois atos e seis cenas, inspirado na obra do coreógrafo George Balanchine (1907-1996). No primeiro ato, são apresentados solos de balé, além de uma composição coreográfica elaborada a partir do gestual de caratecas.

 

No segundo ato, o espectador assiste a cenas montadas com base na coreografia de Balanchine, particularmente do espetáculo “Who cares?”, de 1970.

 

+ Dias 19, 20 e 21, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 30,00 / 15,00. Classificação livre.

 

Contato: Julia Cândida (9953-5674 / estudioterpsicore@yahoo.com.br)

 

 

? Eco Arte Cultura 2014 [festival]

 

O Instituto Hidroambiental de Águas do Brasil – IHAB, através de sua missão de estimular, promover e divulgar o conhecimento técnico-científico sobre água, meio ambiente e conscientizar a sociedade da importância de proteger e usar racionalmente os recursos naturais, promove ligação entre meio ambiente e cultura com a realização da sétima edição do Eco Arte Cultura.

 

O evento é destinado à divulgação de trabalhos artísticos e pedagógicos que tratam as questões ambientais. Do dia 19 ao dia 21 de dezembro de 2014, na Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, ocorrerão exposições de fotografia, artes plásticas, feira de artesanatos, produtos e ações culturais, exibições de vídeos, espetáculos de dança, teatro e shows musicais com livre acesso para a população. O objetivo é educar de forma lúdica sobre as questões ambientais, incentivando a preservação dos recursos naturais e promovendo a cultura.

 

O Eco Arte Cultura 2014 selecionou trabalhos artísticos e pedagógicos de artistas, entidades e grupos cearenses. Também foram convidados artistas nacionais que tenham em seu trabalho o tema natureza. Toda a equipe será contratada no Ceará, gerando trabalho e renda diretamente para 192 pessoas e indiretamente para 240 pessoas.

 

+ Dias 19, 20 e 21, às 17h, na Praça Verde. Acesso gratuito.

 

Contato: Jeane Mendonça (3262 1559 / 9715 8151 / ihab@ihab.org.br)

 

? MOSTRA BOM JARDIM

 

Promovido pelo Centro Dragão do Mar de Arte em parceria com o Centro Cultural Bom Jardim – dois equipamentos do Instituto Dragão do Mar -, a Mostra Bom Jardim realiza um intercâmbio artístico Bom Jardim-Praia de Iracema. Grupos de teatro, dança, música e demais produtos do Centro Cultural Bom Jardim ocupam os espaços diversos do Dragão do Mar com arte, neste fim de ano. No dia 20, se apresenta Paulo Branco, com o show “Pérolas”, em que resgata e interpreta grandes nomes e canções da MPB.

 

+ Dia 20, às 19h30, no Espaço Rogaciano Leite Filho. Acesso gratuito.

 

 

? TIC FÉRIAS

 

O mês do TIC é outubro, mas este ano, o Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará, que teve sua quarta edição realizada no último mês das crianças, preparou uma programação extra, especialmente para o período de férias da criançada de Fortaleza e Sobral. É o TIC FÉRIAS, com espetáculos de palhaços, bonecos, teatro, dança e cinema. O TIC FÉRIAS acontece no dia 18 em Sobral e de 19 a 21 em Fortaleza, com acesso gratuito.

 

A ideia dessa ação é inserir a cultura no tempo livre das crianças e de seus familiares a partir de uma programação cultural para toda a família. Com isso, espera-se contribuir para a formação de plateias e para a democratização do acesso à cultura.

 

TOMATE e XUXU: Dois palhaços famosos!

 

Dois consagrados palhaços vêm abrilhantar a programação do TIC FÉRIAS. Um deles é o argentino Palhaço Tomate, que em 2012 lotou o Anfiteatro do Dragão do Mar em duas divertidas apresentações no segundo ano do TIC. O público pediu e agora ele volta ao Festival com o mesmo espetáculo “Palhaço Puro Tomate”, com sua destreza na arte dos balões, criando instrumentos, personagens e outras formas, construindo cenas e arrancando boas risadas da plateia. Palhaço Tomate se apresenta nos dias 20 e 21 (sábado e domingo) no Espaço Rogaciano Leite Filho, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

 

Antes do Tomate, quem chega nos dois dias para a diversão do público no Dragão é o Palhaço Xuxu, personagem do ator Luiz Carlos Vasconcelos, do Grupo Piolin, da Paraíba. Em “Silêncio Total – Vem chegando um palhaço”, Xuxu, um autoritário porém divertido palhaço, faz seus números de mágica, equilíbrio e música, com uma condição: que a plateia faça “Silêncio total!”.

 

BONEQUEIROS CEARENSES

 

A programação dos dias 20 e 21 no Espaço Rogaciano Leite Filho começa às 17 horas, com espetáculos de dois cearenses que já ganharam o mundo com seus espetáculos. No sábado, Ângela Escudeiro apresenta “O Mau Pensamento”, um espetáculo de teatro de mamulengos, educativo e divertido, criado há 20 anos pela artista, que é bonequeira, atriz, escritora, arte-educadora e diretora de teatro, que já esteve em mais de 40 festivais nacionais e internacionais, e contabiliza mais de 24 prêmios em várias categorias teatrais.

 

No domingo, o festival será aberto por Augusto Bonequeiro, com “O caso da cobra Pantera”, que conta a história de uma imensa cobra que aparece numa comunidade e causa pânico. Beto e Tati tentarão controlá-la e, para isso, pedem ajuda aos pais, aos amigos, à polícia e, por fim, à plateia. O espetáculo tem a direção de Augusto Bonequeiro, que divide a improvisação e manipulação com Ângela Escudeiro. Augusto Bonequeiro é um dos principais nomes cearenses da arte de teatro de bonecos e do humor, o artista tem mais de 25 anos de profissão com espetáculos adultos e infantis, tendo participado de festivais na Espanha, Portugal, Itália e México.

 

TIC NA TELA

 

Ainda no Dragão do Mar, uma série de oito curta-metragens nacionais com abordagem no público infantil vai compor o TIC NA TELA. A mostra acontecerá no sábado e domingo no Cinema do Dragão – Fundação, com início às 16 horas e acesso também gratuito. A curadoria é da catarinense Luiza Lins, que em 2002 idealizou e realizou a primeira Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis, evento pioneiro no Brasil que promove a inclusão social, a educação através do cinema e o desenvolvimento do cinema infantil nacional. A curadora realiza em todo o país encontros e seminários para o fortalecimento do cinema infantil brasileiro.

 

Na mostra serão exibidos: “O homem que bota ovo” (De Rafael Conde. Ficção, Minas Gerais, 2004, 13´), “Calango!” (De Alê Camargo. Animação, Distrito Federal, 2007, 7’44’’), “O fim do recreio” (De Vinicius Mazzon e Nélio Spréa. Ficção, PR, 2011, 17’25”), “O filho do Vizinho” (De Alex Vidigal. Ficção, Distrito Federal, 2011, 7’20”), “Procura-se” (De Iberê Carvalho. Ficção, Distrito Federal, 2010,14’), “Campeonato de Pescaria” (De Luiza Lins e Marco Martins. Ficção, Santa Catarina, 2009, 14′), “João, o galo desregulado” (De Camila Carrossine & Alê Camargo. Animação, SP, 2013, 10′) e “Os caçadores de Saci” (De Sofia Frederico. Ficção, Bahia, 2005, 13′).

 

DANÇA NO CENTRO CULTURAL BOM JARDIM

 

Antes do TIC FÉRIAS chegar ao Dragão do Mar, o Festival leva o Grupo N Infinito, de Fortaleza, ao Centro Cultural Bon Jardim, na sexta-feira, dia 19, com “Mistura – a dança das coisas”, às 18 horas. O espetáculo tem se destacado nos palcos cearenses com sua mistura de dança, teatro de bonecos e de objetos, tendo participado de festivais de teatro e de dança realizados no estado. Os bailarinos/manipuladores Ricardo Freire, Carlos Antonio e Felipe Gadelha apresentam uma sequência desordenada de situações e movimentos que instiga a imaginação do espectador.

 

ABERTURA EM SOBRAL no dia 18

 

A abertura do TIC FÉRIAS será em Sobral no dia 18, quinta-feira, com apresentação de “Pratativando”, espetáculo da Cia Mais Caras, às 19 horas, em frente a Casa do Papai Noel, ao lado do Theatro São João. Com direção de Cláudio Ivo, que divide a cena com Edmar Cândido, o espetáculo é uma homenagem a Patativa do Assaré, fazendo uma viagem por sua obra com “Vaca estrela e boi fubá”, “A triste partida”, “Proquê deixei Zabé”, entre outros poemas, em um espetáculo que mescla teatro, dança, circo e música. Composto por atores, sapateadores e músicos, o grupo já participou de diferentes festivais nacionais e internacionais, entre os quais, o Festival Internacional de Países do Mercosul e o Festival de Teatro de Fortaleza.

 

O TIC

 

Criado em 2011, o TIC promove novas formas de pensar e fazer a arte para a infância, com a proposta de quebrar velhos paradigmas e preconceitos em torno dessa linguagem que a perseguem há anos. Desde a primeira edição, o Festival reúne espetáculos nacionais e internacionais, em Fortaleza e outras cidades do interior cearense, com uma programação que explora inovadoras dramaturgias e estéticas, abordando narrativas pertinentes à família contemporânea.

 

O TIC férias é uma realização do Instituto Seara de Cultura e Desenvolvimento e promoção da Invento Produções Culturais, com o patrocínio da COELCE – Companhia Energética do Ceará. Apoio cultural: Secretaria de Cultura do Ceará. Tem como parceiros: Mostra de Cinema de Florianópolis, Secretaria de Cultura e Turismo de Sobral, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e Instituto de Arte e Cultura do Ceará (IACC).

 

SERVIÇO:

 

TIC FÉRIAS – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará – Dia 18 às 19h em Sobral (ao lado do Theatro São João), dia 19 às 18h no Centro Cultural Bom Jardim (Fortaleza) e dias 20 e 21, a partir das 17 horas no Palco Rogaciano Leite Filho, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (Fortaleza). Informações: (85)3048.6077 / fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. t: @inventocultural. f: TIC – Festival de Teatro Infantil do Ceará.

 

PROGRAMAÇÃO TIC FÉRIAS

 

SOBRAL

Dia 18/12

19h – Pratativando – Cia Mais Caras (CE)

Local: Em frente à Casa do Papai Noel (ao lado do Teatro São João)

 

FORTALEZA
 
Dia 19/12
18h – Mistura – a dança das coisas – Grupo N Infinito (CE)
Local: Centro Cultural Bom Jardim (CCBJ)

 

Dia 20/12
16h – TIC na Tela
“O homem que bota ovo” (De Rafael Conde. Ficção, Minas Gerais, 2004, 13´)
“Calango!” (De Alê Camargo. Animação, Distrito Federal, 2007, 7’44’’)
“O fim do recreio” (De Vinicius Mazzon e Nélio Spréa. Ficção, PR, 2011, 17’25”)
“O filho do Vizinho” (De Alex Vidigal. Ficção, Distrito Federal, 2011, 7’20”)
Total: 46′
Local: Cinema do Dragão – Fundação
17h – O Mau Pensamento – Ângela Escudeiro (CE)
18h – Silêncio Total – Vem Chegando um Palhaço – Grupo Piolin (PB)
19h – Tomate Puro Tomate – Palhaço Tomate (Argentina)
Local: Espaço Rogaciano Leite Filho (Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura)

 

Dia 21/12
16h – TIC na Tela
“Procura-se” (De Iberê Carvalho. Ficção, Distrito Federal, 2010,14’)
“Campeonato de Pescaria” (De Luiza Lins e Marco Martins. Ficção, Santa Catarina, 2009, 14′)
“João, o galo desregulado” (De Camila Carrossine & Alê Camargo. Animação, SP, 2013, 10′)
“Os caçadores de Saci” (De Sofia Frederico. Ficção, Bahia, 2005, 13′)
Total: 51′
Local: Cinema do Dragão – Fundação
17h – O Caso da Cobra Pantera – Augusto Bonequeiro (CE)
18h – Silêncio Total – Vem Chegando um Palhaço – Grupo Piolin (PB)
19h – Tomate Puro Tomate – Palhaço Tomate (Argentina)
Local: Espaço Rogaciano Leite Filho (Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura)

 

CONTATOS: DÉGAGÉ – Assessoria de Imprensa do TIC
Sônia Lage e Eugênia Nogueira (85-3252.5401 / 9989.5876)

 

? Momentos Apaixonados Escritos em Poesia [literatura]

 

Evandro Ferreira Rodrigues

 

O lançamento do livro “Momentos Apaixonados Escritos em Poesia” apresenta ao público fortalezense um livro com poemas românticos que retratam vivências e que tocam os corações, desde os mais jovens aos de mais idade. Fazendo com que cada um extraia desse livro aprendizados sobre o amor para o seu dia a dia. Um Livro com poemas leves, apaixonantes e de fácil compreensão.

 

+ Dia 20, às 18h, no Auditório. Acesso gratuito.

 

Contato: Evandro Ferreira Rodrigues (9765-4975 / 8909-0941 / evandrocaucaia2012@hotmail.com)

 

? Quarteto Cearense [Circuito de Música Erudita]

 

O Quarteto é um dos grupos da Orquestra de Câmara Eleazar de Carvalho e apresenta repertório que vai do barroco ao contemporâneo.

 

+ Dia 21, às 18h, no Auditório. Ingressos R$ 4 e R$ 2 (meia).

 

Contato: Humberto (8734-5643 / quartetocearense@gmail.com)

 

12.12.2014

Assessoria de Comunicação do Instituto Dragão do Mar

Luciana Vasconcelos (85 3488.8625 – 8970.8081)