Governo licita construção do Centro das Rendeiras de Aquiraz

19 de janeiro de 2015

O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), licita nesta terça-feira (20), a construção do Centro das Rendeiras de Aquiraz. Localizada no maior polo de produção artesanal de renda de bilro do Ceará, a nova unidade terá uma área total construída de cerca de 1.000m², divididos em dois pavimentos. A licitação será coordenada pela Comissão Central de Concorrências (CCC), da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) (http://licitarsite.pge.ce.gov.br/LicitarSite/Site/pgConsultaSite.aspx).

 

Polo de produção e comercialização do artesanato cearense, o Centro das Rendeiras de Aquiraz terá 41 boxes, sendo 38 para rendeiras e outros três para alimentação regional. Cada box terá cerca de 10m². O prazo previsto para a execução do projeto é de seis meses, após a ordem de serviço.

 

“É mais um centro que chega para cumprir a missão de valorizar as artesãs e suas famílias, escopo principal das políticas públicas do artesanato do Estado. Além de modernizar a área, esta nova unidade vai promover a cultura e o turismo e incentivar a geração de emprego e renda no litoral leste cearense”, destaca o secretário Josbertini Clementino.

 

Em fevereiro de 2014, a STDS inaugurou o Centro das Rendeiras Miriam Porto Mota, no Iguape. Construído em formato de navio ancorado à praia, numa homenagem aos pescadores cearenses, o equipamento tem três pavimentos, sendo dois destinados aos boxes de produção, exposição e venda do artesanato, para cada uma das rendeiras.

 

Ceart

 

A Central de Artesanato do Ceará (Ceart) tem como objetivo fortalecer o setor, a partir da promoção e ampliação das oportunidades de comercialização e da capacitação dos artesãos pertencentes a grupos produtivos e entidades artesanais do Estado. O Ceará conta atualmentecom cerca de 100 mil artesãos, dos quais 42 mil estão cadastrados na Ceart.

 

19.01.2014

Assessoria de Comunicação da STDS

Carlos Eugênio (imprensa@stds.ce.gov.br / 85 3101.2089 – 2099)

Twitter: www.twitter.com/stdsonline