Obra do Dragão do Mar recebe vistoria técnica do DAE

29 de janeiro de 2015

Inaugurado em 28 de abril de 1999, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura é um dos maiores equipamentos culturais do Brasil e da América Latina. Diante da sua crescente força cultural, o Governo do Estado vem realizando reformas constituídas por três grandes intervenções.

 

A primeira intervenção realizada foi a reforma e aperfeiçoamento das instalações, iluminação, acomodações e estrutura dos cinemas e teatro. A segunda, e atual intervenção, ocorre nas instalações prediais externas, hidráulicas, sanitárias e elétricas. Todo o forro foi removido, os banheiros renovados e a fiação elétrica substituída.

 

As melhorias incluem também a construção de novo banheiro e copa; pintura e recuperação de parte do planetário e anfiteatro; pintura interna e externa; recuperação de grades e portões; acessibilidade (piso tátil, rampas e sinalizações); impermeabilização de coberturas e calhas; recuperação, substituição e pintura das cobertas; recuperação do piso externo, praça verde, praça do planetário, estacionamentos dos funcionários e entorno; revisão e renovação dos equipamentos de combate à incêndio e sistema de para-­raios, e a atualização do projeto luminotécnico.

 

DestaqueDevido à grandiosidade do projeto luminotécnico do artista das luzes Peter Gasper (em memória), pioneiro na arte de iluminação no Brasil, a equipe do Departamento de Arquitetura e Engenharia – DAE, órgão vinculado a Secretaria de Infraestrutura – Seinfra, responsável pela fiscalização da obra, realizou uma visita para vistoria técnica do projeto luminotécnico.

 

O projeto, que segue a ideia artística de iluminação original, contempla iluminação em LED. Para tanto contou com nova infraestrutura de fiação e tubulações para instalação das luminárias, postes e balizadores. O LED atrela iluminação de excelência, sem comprometer a qualidade da luz e do ambiente, com economia de energia, durabilidade e custo de manutenção.

 

Tudo foi devidamente estudado para valorizar a edificação do Dragão do Mar. A nova iluminação, projetada de baixo para cima, garante a não interferência na arquitetura do equipamento cultural quando fotografado. No projeto paisagístico a iluminação exalta a beleza de uma paisagem noturna, além da segurança local e da vegetação, isso porque o LED não transmite calor, assim como não emite radiação infravermelha nem ultravioleta, logo valoriza a beleza da planta sem prejudicá-­la.

 

Dragão2A terceira intervenção ocorerrá nas instalações prediais internas, hidráulicas, sanitárias e elétricas. Está prevista ainda a implantação do sistema de cores luminosas RGB (também designado por cor-luz), no toldo do anfiteatro, rampa e arcadia, que compreende o contorno do Dragão do Mar, planetário, espelho d’água e fachada principal. O RGB é um sistema utilizado para a reprodução de cores de acordo com uma programação desejada. Ainda na segunda etapa o sistema RGB foi implantado na fachada principal.

 

Participaram da visita os Engenherios Silvio Gentil, Artur Façanha, os ficais Claudio Brito e Irisvaldo Figueiredo, responsável pela obra, ambos do DAE; Roberto Porto, Diretor da Construtora Porto LTDA e Walter Façanha, da assessoria técnica de desenvolvimento e gestão do Dragão do Mar.

 

 

 

29.01.2015

Assessoria de Comunicação ­ DAE (85) 3487­8844
Jornalista – Daniela Negreiros
Publicitária – Diana Vianna
Designer – Letícia Rodrigues