159 empresas abertas de janeiro a março no Ceará

10 de abril de 2015

A crise econômica internacional não abateu o ânimo empreendedor do trabalhador cearense. Nos três primeiros meses deste ano, 159 novas empresas Limitadas (LTDA) e 414 empresas individuais já foram criadas no Estado, somente através das unidades da Central Fácil, da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), em Fortaleza e Juazeiro do Norte, o que demonstra que o cearense continua acreditando no potencial do Estado de atuar como indutor e promotor do desenvolvimento socioeconômico.

 

De janeiro a março, foram inscritos ainda, 375 microempreendedores individuais, cearenses que, apesar das adversidades atuais do mercado de trabalho, apostam no potencial criativo e de trabalho próprios para seguir produzindo e gerando renda. Como resultado desses novos pequenos empreendimentos, foram geradas e mantidas 1.808 ocupações de trabalho. “A Central Fácil é mais uma ferramenta do Governo do Estado que proporciona aos cearenses a oportunidade da qualificação profissional, da formalização, do estímulo ao empreendedorismo. É uma porta aberta ao primeiro emprego, ao primeiro negócio formal”, reforçou o titular da STDS, Josbertini Clementino.

 

Capacitação empreendedora

Como forma de promover a capacitação e estimular o espírito empreendedor dos cearenses, a Central Fácil realizou, nos três primeiros meses deste ano, 39.211 atendimentos e capacitou 219 novos microempreendedores, nas duas unidades. Por meio da Central Fácil, a STDS fornece o suporte técnico que possibilita ao empreendedor criar e alavancar o seu negócio de forma competitiva e com qualidade para enfrentar os desafios do mercado.

 

Nesse sentido fornece total apoio aos micro e pequenos empresários na abertura e no desenvolvimento de seu negócio; busca orientar, simplificar e racionalizar o registro de empresas, reduzindo custos e prazos; facilita a legalização dos negócios informais; viabiliza a capacitação para empresários e empreendedores, além de que oferece serviços centralizados, rápidos e integrados para micro e pequenas empresas; cooperativas e grupos produtivos; profissionais autônomos ou liberais e empreendedores em geral.

 

10.04.2015

 

Assessoria de Imprensa da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social – STDS
Carlos Eugênio (imprensa@stds.ce.gov.br / 3101.2089 / 2099)

Gestor de Célula/Secretarias
Ciro Câmara ( ciro.camara@casacivil.ce.gov.br / 85 3466.4898)

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil – (85) 3466.4898
comunicacao@casacivil.ce.gov.br