Prorrogada até 2 de maio campanha de vacinação contra sarampo

20 de abril de 2015

    A campanha de intensificação da vacinação contra o sarampo em Fortaleza e Caucaia foi prorrogada por mais duas semanas e prosseguirá até o dia 2 de maio. Iniciada em 23 de março, a campanha está imunizando a população na faixa etária de 5 a 29 anos dos dois municípios. O objetivo é interromper o surto do sarampo iniciado em dezembro de 2013. Até a última sexta-feira (17), haviam sido notificados no Estado 3.164 casos suspeitos de sarampo, conforme o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado. Foram confirmados 796 casos. O surto permanece em sete municípios – Fortaleza, Caucaia, Horizonte, Trairi, Itaitinga, Guaiúba e Aquiraz.

     
    Na última semana, levantamento parcial apontava cobertura vacinal de 52% da população em Fortaleza e 22% em Caucaia, que concentram, cada um, 41 casos de sarampo confirmados em 2015, que representam 82% dos casos confirmados no ano. Na Capital, a meta é vacinar 1.125.085 crianças, adolescentes, jovens e adultos e 164.517 em Caucaia, totalizando 1.289.602 pessoas, mesmo aquelas já vacinadas contra a doença, com meta mínima de cobertura de 95%. A população-alvo da campanha de intensificação está recebendo uma dose da vacina dupla viral, que também protege contra a rubéola. Em Fortaleza foram imunizadas 582.848 pessoas e, em Caucaia, 36.699. Faltam ser vacinadas 542.237 pessoas em Fortaleza e 127.815 em Caucaia.

     
    Não houve nenhum óbito da doença nos 15 meses de surto, mas o sarampo pode matar. É uma doença infecciosa aguda, grave, altamente transmissível. Causa problemas visuais, na audição, e provoca até pneumonia. A vacina é a única forma de se proteger da doença. É gratuita, garantida pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Quem já teve a doença não precisa se vacinar. Quem tem entre 30 e 49 anos que nunca foi vacinado ou não tem comprovação de vacinação pode ser imunizado em qualquer dia, na rotina dos postos municipais de saúde, independente do período de campanha. Em todos os 184 municípios cearenses a vacinação é permanente para crianças a partir de 6 meses até 5 anos incompletos.

 

 

20.04.2015

 

Assessoria de Comunicação e Informação
Secretaria da Saúde do Estado do Ceará
(85) 3101-5220 / 5221

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado – Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br
(85) 3466.4898