Hospital Albert Sabin promove ação de incentivo ao aleitamento

5 de agosto de 2015

O Hospital Infantil Albert Sabin, da Secretaria da Saúde do Estado, realiza nesta quarta-feira (5), evento que marca a participação do Hospital Infantil Albert Sabin na XXIV Semana Mundial do Aleitamento Materno, organizada pelas equipes do Banco de Leite Humano e da Terapia Ocupacional. As atividades no Albert Sabin tiveram início na última segunda-feira (3), com distribuição de folhetos educativos sobre amamentação e rodas de conversa entre funcionários, mães e acompanhantes, que pode ser chamado de “papoterapia”.   

 

A cerimônia de abertura será às 9h, no Recanto dos Acompanhantes. A programação contará com apresentação das ações internas e externas de promoção e incentivo à amamentação, dos serviços de assistência que o Albert Sabin oferece às mães nutrizes e também palestra ministrada pela pediatra Rejane Brito, coordenadora do Banco de Leite Humano do Hospital Geral Dr. César Cals. De acordo com a pediatra Erandy Souza, coordenadora do Banco de Leite Humano do Hias, a Semana do Aleitamento é um evento de fundamental importância para lembrar e reforçar os benefícios da amamentação para a saúde da mãe e do bebê, o que reduz também a mortalidade infantil.

 

Com tema abordando a relação entre trabalho e aleitamento, o evento expõe os direitos da mulher trabalhadora que amamenta e as vantagens sobre como conciliar as atividades do emprego com as da maternidade, reforçando o vínculo entre mãe e filho. Em grande parte, a amamentação depende do apoio e orientações adequadas à mulher e assim, facilitar a prática do aleitamento materno.“Nós estamos nessa fase de implantações de salas de apoio, por isso é importante promover e incentivar o aleitamento materno nas unidades que compõem o Hias”, ressalta Erandy.

 

 

Sala de Apoio à Mulher Trabalhadora que Amamenta

 

As mães que trabalham e que amamentam nos primeiros seis meses têm direito, por lei, a duas pausas, de meia hora cada uma, para amamentar ou a sair uma hora mais cedo do trabalho, além da licença maternidade de 120 dias. A Sala de Apoio à Mulher Trabalhadora que Amamenta (Samta) é um espaço adequado para fazer o desmame durante o expediente de trabalho e o acondicionamento e preservação do leite coletado para continuar a alimentação do filho com leite materno.

 

Inaugurada há dois anos e certificada pelo Ministério da Saúde, a Sala de Apoio à  Mulher Trabalhadora que Amamenta do Albert Sabin foi a primeira a ser implantada no Ceará entre as organizações públicas e privadas. O serviço tem o objetivo de promover, proteger e apoiar o aleitamento das funcionárias nutrizes. Como parte do programa de incentivo Banco de Leite Humano do Hias, a equipe também já implantou salas de apoio no Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara, Hospital Regional da Unimed, Hospital Maternidade Venâncio Raimundo de Sousa (Horizonte) e Hospital Municipal Dr. Amadeu Sá (Eusébio).

 

 

PROGRAMAÇÃO

 

 

 

Serviço:

Abertura da Semana Mundial de  Aleitamento Materno no Hias
Dia: 5 de agosto de 2015 (quarta-feira)
Hora: 9h
Local: Hospital Infantil Albert Sabin (Recanto dos Acompanhantes) – Rua Tertuliano Sales, 544, Vila União

 

 

 

05.08.2015

 

Assessoria de Comunicação do Hias
Helga Santos
(85) 3256-1574
imprensa@hias.ce.gov.br
t: @albertsabince
f: albertsabince

 

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado – Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br
 (85) 3466.4898