Secretaria da Saúde contribui para o controle de endemias na Região do Cariri

10 de agosto de 2015

Representantes dos 45 municípios e os assessores técnicos das cinco Coordenadorias Regionais de Saúde que integram a Macrorregião de Saúde do Cariri (CRES de Icó, Iguatu, Brejo Santo, Crato e Juazeiro do Norte) participam nesta terça-feira (11), a partir das 8 horas, no Núcleo de Controle de Vetores (Nuvet), da Coordenadoria de Promoção e Proteção à Saúde da Secretaria da Saúde do Estado, Rua Tabajaras, 268, Praia de Iracema, da Reunião Técnica de Controle de Endemias, que prepara os municípios para a terceira edição da Campanha Nacional de Hanseníase, Verminoses, Tracoma e Esquistossomose, do Ministério da Saúde, que acontece em todo o país de 10 a 14 de agosto.

A campanha nacional vai alcançar cerca de 2.300 municípios brasileiros, incluindo todas as capitais. No Ceará, crianças e adolescentes de 5 a 14 anos estudantes do ensino fundamental da rede pública de 101 municípios participarão da campanha. O objetivo é prestar esclarecimentos sobre essas doenças, identificar e tratar os casos. O tema deste ano da campanha é “Hanseníase, Verminoses e Tracoma têm cura. Faça essa lição de casa e proteja-se”.

O número de municípios participantes da campanha no Ceará evoluiu de 44 em 2013, 66 em 2014, para os atuais 101 municípios. O número de crianças examinadas passou de 72.285 em 2013, com 3.297 casos de tracoma identificados e tratados, para 187.928 exames no ano passado, com 8.843 diagnósticos positivos. Tracoma é uma doença infecciosa causado pela bactéria Chlamydia trachomatis. É transmitida pelo contato direto ou por objetos contaminados com secreções oculares de pessoas acometidas. As incidências tendem a ocorrer em locais onde são precárias as condições de saneamento e higiene, principalmente entre crianças entre um e nove anos de idade.

No período da tarde, a partir das 13 horas, os representantes dos municípios e das CRES conhecerão as avaliações preparadas por técnicos do Nuvet sobre a capacidade instalada para o controle de doenças transmitidas por vetores, como dengue, febre Chikungunya e Zika vírus, leishmaniose, doença de Chagas e doenças emergentes.O objetivo das exposições é melhorar as ações dos municípios no controle de endemias.

10.08.2015

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá / (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5221 / 3101.5220)
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretaria

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br / (85) 3466.4898