Primeira-dama anuncia reforma em equipamentos do sistema penitenciário ligados à infância

23 de setembro de 2015

A primeira-dama do Estado, Onélia Maria Leite de Santana, anunciou, nesta quarta-feira (23), a liberação de recursos pelo governador Camilo Santana para o aparelhamento de três unidades de referência para atendimento à saúde materno-infantil no sistema prisional estadual e a reforma da creche Irmã Marta, localizada no Instituto Penal Feminino Desembargadora Auri Moura Costa (IPF), em Aquiraz.

 

O anúncio foi realizado durante visita da primeira-dama à creche de tempo integral Amadeu Barros Leal, fundada há 22 anos no bairro Jacarecanga. A unidade é conveniada à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) por atender a 140 R MVS8364crianças de três meses a quatro anos que pertencem à comunidade, além de filhos de internos e egressos do sistema prisional. Internos do regime semiaberto também trabalham na creche cumprindo pena. Onélia conheceu a estrutura e o funcionamento do espaço acompanhada do fundador e presidente da casa, César Oliveira de Barros Leal; do secretário da Justiça e Cidadania, Hélio Leitão; e da superintendente do Instituto da Infância (Ifan), Luzia Laffite.

 

A articulação da primeira-dama para a liberação dos recursos veio a partir da visita do secretário Hélio Leitão ao Gabinete da Primeira-Dama, no dia 2 de setembro. “Ficamos felizes pela sensibilidade do R MVS8311governador de compreender que na primeira infância a gente precisa dar oportunidades a essas crianças, de estímulos saudáveis, seja onde estejam estas crianças. Se a mãe está em uma penitenciária, mas que essa criança esteja em um local adequado, seguro, tranquilo”, destacou Onélia.

 

Durante a visita à unidade de ensino, o secretário Hélio Leitão comentou sobre a liberação de recursos para os equipamentos do sistema penitenciário ligados à infância. “Isso revela a preocupação do governo Camilo Santana, a preocupação do Gabinete da Primeira-Dama com a infância, com a primeira infância e, sobretudo, de um segmento historicamente esquecido, historicamente negligenciado, que é o contingente populacional prisional. Essa é a responsabilidade ética do Estado e isso se insere com perfeição na lógica dos Sete Cearás, na lógica do Pacto por um Ceará Pacífico”, ressaltou.

 

R MVS8415Segundo a primeira-dama, o governador liberou o valor de R$ 19.415,06, como contrapartida de convênio realizado com o Departamento Penitenciário do Ministério da Justiça (DEPEN/MJ), que vai repassar um total de R$ 174.735,63 para o aparelhamento dos centros de referência. Os Centros de Referência são localizados na Cadeia Pública do Crato, na Região do Cariri, Cadeia Pública de Sobral, na Região Norte, e no Instituto Penal Feminino (IPF), em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza.

 

Com os aparelhamentos dos três equipamentos, cerca de 820 internas do sistema penitenciário serão beneficiadas. Já para reforma da creche do IPF serão destinados recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop), em um total de R$ 207.914,41, para solucionar problemas de instalações da unidade no intuito de zelar pela integridade física dos filhos das apenadas.

 

 

Fotos: Marcos Studart / Governo do Ceará

 

 

23.09.2015

 

Déborah Vanessa
Assessora de Imprensa do Gabinete da Primeira-Dama
85 98956.0292
deborah.vanessa@gabgov.ce.gov.br

 

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias

 

Coordenadoria de Imprensa da Casa Civil
Governo do Estado Ceará
(85) 3466.4898