Prédios do Estado ganham iluminação em homenagem ao Outubro Rosa

5 de outubro de 2015

Durante todo o mês de outubro o Palácio da Abolição estará com iluminação especial. mais do que a beleza, a luz rosa tem o objetivo de incentivar a campanha Outubro Rosa e alertar as mulheres sobre a importância do autoexame e da mamografia. Também estão “iluminados” a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), Instituto de Prevenção do Câncer (IPC), o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e o Cineteatro São Luiz.

R Dragão.rosaQuase 60 mil pacientes com a doença foram identificados em 2015, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o que representa 22% do total dos novos diagnósticos de câncer no país. Trata-se do segundo local do corpo mais atingido pela patologia, no país e, apesar das frequentes campanhas alertando para a prevenção, a taxa de mortalidade ainda é alta, justamente, pela grande frequência de diagnósticos tardios.

R IPC.rosaO Instituto de Prevenção do Câncer (IPC), unidade da Secretaria da Saúde do Ceará, é referência secundária para diagnóstico precoce (e tratamento quando indicado) de câncer de mama. O diagnóstico precoce e os cuidados com as mulheres reduzem a mortalidade no Estado. Na unidade são realizados em média, por mês 459 consultas de mastologia, 488 mamografias, 200 ultrassons mamárias e 35 retiradas de nódulos, drenagem e biópsias (procedimento realizado no centro cirúrgico).R Cine.rosa

Outubro Rosa
O movimento Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente com o objetivo de promover a conscientização internacional sobre a doença e compartilhar informações sobre o câncer de mama. A primeira iniciativa vista no Brasil em relação ao Outubro Rosa, foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista, situado em São Paulo, em outubro de 2002. Em outubro de 2008, diversas entidades relacionadas ao câncer de mama iluminaram de rosa monumentos e prédios em suas respectivas cidades. A estátua do Cristo Redentor no Rio de Janeiro, reconhecida mundialmente, ficou iluminada pela primeira vez de rosa naquele ano. A partir de outubro de 2009, se multiplicam as ações relativas ao Outubro Rosa em todas as partes do Brasil.

R Sesa.rosaAutoexame
Com o autoexame pode ser possível sentir a presença do nódulo (caroço) no seio. “Secreção no mamilo e nódulos na axila também são sinais de alerta”, ressalta Paola Borba, ginecologista do IPC. O diagnóstico precoce é fundamental. “Muitas mulheres só identificam a doença quando ela já está em desenvolvimento, e isso aumenta os riscos de morte”, afirma. Tabagismo, sedentarismo e obesidade são fatores de risco que contribuem para um aumento da incidência da enfermidade. “Uma boa alimentação e a prática de exercícios físicos são bons aliados na prevenção de doenças, inclusive, o câncer de mama”, diz.

O tratamento varia de acordo com a gravidade da doença e das condições biológicas da paciente. O primeiro passo é fazer o diagnóstico completo com análises clínicas e biópsia para descobrir se o tumor é benigno ou maligno. Então, o médico faz a indicação de cirurgia, quimioterapia e radioterapia ou das práticas combinadas, de acordo com cada caso.

Com o tema “No peito levo amor”, o IPC lança a programação do Outubro Rosa, cheia de informações e palestras sobre o câncer de mama, que nas mulheres acarreta o maior número de mortes, seguido do câncer de pulmão, estômago e colo de útero. A abertura das atividades acontece nesta quarta-feira (7), às 9h30min, com a palestra “Situação atual do câncer de mama no Brasil e no Ceará: principais avanços e dificuldades”, que será ministrada por Mirien Uribe, epidemiologista do Instituto do Câncer do Ceará (ICC) e equipe médica do IPC.

Serviço:
Instituto de Prevenção ao Câncer (IPC)
Endereço: Rua Walter Bezerra de Sá, 58, no bairro Aldeota
Fone: 3101-1451

05.10.2015

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá – 85 3101.5221
selma.oliveira@saude.ce.gov.br
Twitter: @SaudeCeara

Fotos: Queiroz Netto e Tiago Stille / Governo do Ceará

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br / (85) 3466.4898