Semace retorna em área desmatada na Serra da Aratanha e flagra descumprimento de embargo

15 de outubro de 2015

Fiscais da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) estiveram na Serra da Aratanha, em Maranguape, nesta quarta-feira (14), onde flagraram que o embargo aplicado na última sexta-feira (9) em uma obra estava sendo descumprido. A autarquia já havia constatado que as intervenções no local (desmatamento, abertura de uma estrada e barramento de um curso de água, próximo a uma fonte) não possuíam autorização.

 

Ao visualizarem a desobediência à sanção aplicada, os fiscais, que estavam acompanhados do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), conduziram um dos operários até a Delegacia de Polícia de Maranguape, onde foi feito um boletim de ocorrência (B.O.) e o homem interrogado. Com os novos fatos, a Semace dará continuidade ao processo administrativo aberto. A Diretoria de Fiscalização (Difis) já possui indícios de quem seja o proprietário do terreno e aguarda a confirmação para poder emitir os autos de infração decorrentes das irregularidades encontradas. O trecho afetado se encontra dentro de unidade de conservação, a Área de Proteção Ambiental da Serra da Aratanha.

 

Denúncias

 

A Semace possui o Disque Natureza, que funciona no 0800-275-2233. O serviço está disponível de segunda a sexta-feira, das 8 às 12h e das 13 às 15h. O cidadão que desejar denunciar qualquer irregularidade ambiental no Ceará pode ficar tranquilo com relação ao seu sigilo. A Superintendência conta com a colaboração de todos.

 

 

15.10.2015

 

Fhilipe Augusto
Assessor de Imprensa da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace)
(85) 3101-5554/ 98605-9501
comunicacao@semace.ce.gov.br

 

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias

 

Coordenadoria de Imprensa da Casa Civil
Governo do Estado Ceará
85 3466.4898