Secretário Balhmann amplia articulação do Governo do Estado com a China em missão oficial

23 de outubro de 2015

O secretário para Assuntos Internacionais do Governo do Ceará, Antonio Balhmann, viaja em missão oficial à China, neste sábado (24), acompanhando do secretário de Assuntos Internacionais do Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão (MPOG), Cláudio Puty, para tratar das prioridades brasileiras e chinesas no Acordo Brasil-China, entre eles os projetos de interesse do Estado do Ceará.

 

Dando sequência à ida do governador Camilo Santana à China, no último mês de agosto, e aos assuntos tratados entre o governador, a presidenta Dilma Rousseff e o primeiro-ministro chinês Li Keqiang, na ocasião da sua visita ao Brasil, o secretário Balhmann tem boa expectativa quanto a atração de investimentos para o Estado do Ceará, uma vez que é o único Estado brasileiro que tem acompanhado diretamente as tratativas do acordo bilateral.

 

Para Balhmann, a participação direta nas negociações decorrentes do Acordo é fundamental para incluir os interesses Ceará e agilizar o início da execução das prioridades estabelecidas. “O Estado do Ceará ganha muito com os investimentos dos chineses, por isso estamos trabalhando fortemente para atraí-los, especialmente para a ZPE (Zona de Processamento de Exportação), conforme as políticas do Governo do Estado de geração de emprego e incremento da renda”, ressaltou o secretário.

 

 

Acordo Brasil-China

 

No mês de maio do corrente ano, durante a visita do primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, Brasil e China firmaram um grande acordo comercial que chamou a atenção do mundo. Ao todo, foram assinados 35 ações que somam mais de US$ 50 bilhões de investimentos chinês no País, em áreas de tecnologia, infraestrutura, energia, agricultura e petróleo.

 

 

23.10.2015

 

Ciro Câmara
Gestor de Célula / Secretaria

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil