Hemoce supera meta de doações de sangue

30 de dezembro de 2015

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), da rede pública do Governo do Estado do Ceará, já ultrapassou a meta de doações de sangue prevista para este ano e recebeu mais de 110 mil doações em todo o estado. A meta era alcançar a marca de pelo menos 108 mil doações de sangue no Ceará. Até esta quarta-feira, 30, foram registradas 110.022 bolsas de sangue coletadas pela Hemorrede Estadual, um incremento de 4,5% do número de doações de sangue, quando comparado a todo o período do ano passado que registrou 105.279. “Esse resultado é a confirmação de que as pessoas são solidárias e têm a doação de sangue como um compromisso”, fala a coordenadora da captação de doadores, Nágela Lima.

De acordo com parâmetros da Organização Mundial da Saúde (OMS), para manter os estoques regulares é necessário que 1 a 3% da população faça isso regularmente. O índice cearense atual de doadores é de aproximadamente 1,23%. Apesar de o Hemoce ter alcançado a expectativa do número de doadores de sangue para este ano, a coordenadora da captação reforça o convite para que mais pessoas se voluntariem como doadoras. “Estamos nos aproximando de mais um feriado prolongado, seguido de férias escolares, por isso é muito importante que as pessoas dediquem um tempinho do seu dia, não deem férias à solidariedade e ajudem a quem mais precisa, doando sangue”, diz Nágela.

Doador regular, Aluísio de Sousa, 54, é um dos voluntários que doa pelo menos três vezes ao ano. Ele conta que sempre reserva um horário do seu tempo para a doação de sangue e exibe com satisfação a carteirinha de doador. “Tem tanta gente precisando de uma atitude como essa. Pra mim é simples, mas pode ser essencial na vida de quem depende da transfusão, né? Por isso eu venho regularmente e vou continuar doando enquanto puder”, afirma.

Para facilitar o acesso da população às unidades de coleta, o Hemoce ampliou os locais de doação. Além da sede do Hemocentro coordenador e o posto de coleta no IJF, foi montada uma estrutura de coleta de sangue na Praça do Ferreira até 30 de janeiro. As doações podem ser realizadas das 8 às 16 horas, de segunda a sexta-feira, e também aos sábados, das 8 às 14 horas. Fora da capital cearense, o Hemoce funciona com atendimento nos hemocentros regionais nas cidades de Crato, Juazeiro do Norte, Iguatu, Quixadá e Sobral.

O sangue doado no Hemoce abastece 388 serviços de saúde no Ceará, ajudando diariamente pacientes que precisam da transfusão de sangue. A diretora geral do Hemoce explica que uma única doação pode salvar de três até quatro vidas. “O sangue pode ser dividido em três componentes: plasma, plaquetas, hemácias e formar ainda o crioprecipitado que pode ser usado em diversas situações clínicas”, explica.

O que é necessário para doar:

Para ser um doador de sangue é preciso: estar saudável, bem alimentado, ter mais de 50kg, ter entre 16 a 69 anos de idade e apresentar um documento oficial e original com foto. Atenção: os menores de 18 anos precisam apresentar o termo de consentimento para menores de 18 anos, disponível para download no site do Hemoce (www.hemoce.ce.gov.br).

30.12.2015

Assessoria de Imprensa do Hemoce
Natássya Cybelly
Contato: (85) 3101-2308
E-mail: natassya.chagas@hemoce.ce.gov.br / imprensahemoce@gmail.com

Giselle Dutra
Gestora de Célula/ Secretarias

Coordenadoria de imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br   / 85 3466.4898